ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Mantida indenização de R$ 3 mil a homem que se machucou em buraco na via pública

Itapetinga: Coordenadora da Vulcabrás que se auto-envenenou acidentalmente não resiste e morre

Planalto registra 2º assassinato em menos de 24 horas. Vítima foi identificada

Suposto causador da tragédia na BR-116 não tinha idade para dirigir micro-ônibus

Brumado: Polícia Civil prende condenado por tráfico de drogas

Envolvidos em sequestro de ex-prefeito de Valença são transferidos para Salvador

Domingo: Vitória e Bahia fazem primeiro grande teste da temporada

CNJ: Maioria dos integrantes do Conselho Nacional de Justiça recebeu acima do teto

Tragédia: Bebê de 1 ano e 4 meses morre afogado após cair em balde

Sorte: Apostador ganha sozinho prêmio da Mega-Sena no valor de R$104,5 milhões

Brumado: PMB convida população para audiência pública dos relatórios das `Metas Fiscais do 3° Quadrimestre de 2017´

Bahia: Escritório da Embasa contrata empresa de advocacia sem licitação por R$ 343,8 mil

Resposta à comunidade: PM realiza abordagens em busca de criminosos que cometeram assaltos em Livramento

Bahia: Bancários baianos não vão aderir a greve geral na segunda-feira (19)

Absurdo: Idosa recebe soco no rosto porque não tinha dinheiro para pagar dívida de R$ 40

Brumado: Polícia prende homem com drogas no bairro São Felix; o mesmo já tinha mandado de prisão em aberto

Mito ou Verdade? Jovem diz que engravidou com espermatozoide voador e deixa a cidade em pânico

Janaúba: Pai esquece a filha dentro de carro e menina acaba morrendo por asfixia

Lealdade: Cão fica à espera do dono morto por atropelamento na Av. Centenário

Brasil: Intervenção federal é usada pela primeira vez em mais de 30 anos no país


Duas importantes obras paralisadas em Brumado irritam população

As duas obras paralisadas estão deixando a população irritada (Foto: Luciano Santos | 97NEWS)

Duas grandes obras que seriam para elevar a autoestima da população, infelizmente, até o momento estão paralisadas há um bom tempo, causando irritação aos brumadenses, ampliando assim a onda de pessimismo que paira no ar. A reportagem do 97News foi aos dois locais em questão e ouviu os moradores que afirmaram estar sendo prejudicados. A primeira obra em questão é a praça Dr. Nelson Lula (Praça do Rotary), que segundo os moradores “já são 3 anos que as promessas de reforma vêm sendo feitas, já entrou prefeito, saiu prefeito e nada foi feito”.  No dia 10 de julho de 2014, a prefeitura iniciou o corte de 11 amendoeiras na praça, com intuito de iniciar a reforma e modernização da mesma, já que a deterioração acontece há cerca de 40 anos e todos sabem que o tempo implacável. Segundo informações obtidas junto à secretaria municipal de infraestrutura, a administração pretendia realizar a reforma com recursos próprios, porém, com a diminuição da receita, o prefeito teve que abortar a ação. Inicialmente o projeto de reforma estava orçado em cerca de R$ 200 mil, mais sem o recurso em caixa, ainda não existe uma previsão oficial. O fato é que, já foram feitas inúmeras solicitações por parte dos moradores e de vereadores em outras gestões e o sentimento dos moradores é esse "a Praça Dr. Nelson Lula é uma das mais tradicionais do município, mas o seu atual estado estrutural é muito precário, dando um aspecto negativo para aquela região da cidade onde ela está situada”. 

 

As obras da recuperação do pontilhão continuam paralisadas (Foto: Luciano Santos | 97NEWS)

 

A outra obra em questão a revitalização do pontilhão que margeia a linha férrea, que fica no fundo do SAC e próximo à UNEB também tem as mesmas características, ou seja, está paralisada há um bom tempo, além de atrapalhar a trafegabilidade de veículos de grande porte. Construída na gestão de 2015 com materiais que deixaram a desejar, a estrutura não aguentou ficando muito danificada no sentido Bairro São Félix, sendo que, em outubro de 2016, foram realizadas ações na área danificada. Mas a questão é que no sentido contrário, centro/bairro, ou seja, próximo ao SAC e a Uneb, a segunda estrutura começou a apresentar a mesma falha e começou a desmoronar, causando sérios riscos a caminhões que utilizavam a via como rota de saída para a BA-148, sentido a Livramento de Nossa Senhora. Mas o que está causando a nova onda de irritação é que a obra que começou a ser recuperada no início de janeiro deste ano, ainda não foi entregue, continuando paralisada, ficando no local apenas grandes vigas de concreto colocadas, mas o acesso à via continua bloqueado, devido ao não término da obra, ou seja, já se passaram seis meses, e a obra não está pronta. A promessa, seria de que a obra seria entregue junto com a passagem da linha férrea que dá acesso à nova ponte do Bairro são Félix, mas isto ainda não aconteceu.

(Foto: Luciano Santos | 97NEWS)


Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário