Após tragédia, loja sobe preço de camisa da Chapecoense e sofre críticas

Foto: Reprodução

Os usuários do Twitter ficaram revoltados na manhã desta terça-feira (29) após constatar que a loja Netshoes havia subido o preço da camisa da Chapecoense. "Então você aumentou o preço da camisa da Chapecoense de 129,00 para 250,00, @sigaNetshoes?", questionou um usuário. Outros internautas acusaram a loja de estar se aproveitando da tragédia envolvendo o time e sugeriram boicote. "Não comprem mais nada na @sigaNetshoes. Eles desrespeitam o consumidor diariamente", afirmou outro usuário. Após as críticas na rede social, a Netshoes se pronunciou através do seu perfil no Twitter afirmando que o valor mais barato era promocional. "Em virtude da Black Friday, a camisa da Chapecoense estava com o preço promocional e, na manhã de hoje (29), teve suas últimas unidades vendidas (camisaII) por R$ 159,00. Com o esgotamento do produto, por uma programação de sistema, o valor retornou ao preço original R$ 249,00, junto com o alerta de indisponibilidade do produto", esclareceu a loja.