ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Caetité: PRF-BA prende dois por receptação de carro roubado; ações ocorreram na BR-030

'Fique em casa que a Bete Fruits vai até você': Faça seu pedido de frutas e verduras fresquinhas

Brumado: Com insumos em alta, Hospital Municipal decide suspender atendimentos eletivos

Brumado tem 29 pacientes hospitalizados e 58 óbitos por conta do Coronavírus

Brumado: Hospital PMN receberá mais 10 leitos clínicos no combate a Covid-19

Ex-travesti, brumadense que pretende se casar, diz já ter recebido ameaças e ser vítima de preconceito

STJ vai julgar habeas corpus coletivo contra toque de recolher na Bahia

NASA está pronta para explorar o asteroide de ouro que poderia causar colapso na economia mundial

Brumado: Manicure se adapta para não perder clientela durante pandemia da Covid

Brumado: Diretor institucional da CDL considera que 'lockdown' não é necessário

Brumado: Moradores do bairro Urbis 2 temem que poste cause acidente

Bolsonaro assina decreto que obriga postos de gasolina a mostrarem impostos cobrados pelo combustível

Carga de alho avaliada em R$ 100 mil é recuperada em Caetité

STF libera que estados e municípios comprem vacinas

Ex-prefeito de Serrolândia é acusado de estupro contra duas irmãs; uma delas possui distúrbio mental

Após toque de recolher, Rui não descarta 'fechamento total' para conter pandemia

Brumado chega a 58ª morte em decorrência do novo coronavírus

'Sem colaboração, em pouco tempo faltarão leitos de UTI', diz Rui Costa sobre situação da pandemia no estado

Brumado: Após reunião com CDL, PM, Religiosos e sociedade civil, Prefeito não descarta medidas mais restritivas em até 8 dias

Aneel aponta que contas de luz devem ter neste ano maior aumento médio desde 2018


OGX, petroleira de Eike Batista, entra com pedido de recuperação judicial

A petroleira OGX, controlada por Eike Batista, entrou nesta quarta-feira (30) com pedido de recuperação judicial. O pedido foi feito pelo advogado Sergio Bermudes. Com isso, as ações da empresa deixam de ser negociadas na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa). A medida já vinha sendo aguardada pelo mercado, com a proximidade do fim do prazo para que a empresa agisse e evitasse um calote formal de sua dívida. O processo de recuperação judicial da petroleira é o maior da história de uma empresa latino-americana, segundo dados da Thomson Reuters. A recuperação judicial é um instrumento da legislação brasileira que permite que empresas que perderam a capacidade para pagar suas dívidas possam continuar operando enquanto negociam com seus credores, com a mediação da Justiça, para tentar evitar a quebra definitiva.Segundo o Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, o pedido deverá chegar na sexta-feira (1º) às mãos do juiz Gilberto Clóvis Farias Matos, da 4ª Vara Empresarial, que será responsável pelo processo.

Se o pedido for aprovado pela Justiça, a OGX tem 60 dias para apresentar o plano de recuperação judicial ao juiz, ou pode ser decretada a falência. Apresentando o plano, o juiz vai divulgá-lo para que os credores se manifestem.  Se não houver oposição, ou seja, se ninguém disser não aceito, o juiz pode dar esse plano por definitivo. O prazo para que os credores aprovem esse plano é de 180 dias (também contados a partir do despacho do juiz). Se o plano não for aprovado em assembleia, a empresa quebra, e o juiz decreta falência. Aprovado o plano, ele é implementado e precisa ser seguido à risca. 

Por: G1



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário