ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Confira os especialistas da semana na Clínica Mais Vida em Brumado

Restrição de atividades: Saiba o que poderá funcionar na Bahia de sexta a segunda

Bahia: Rui Costa prevê que Brasil vai ‘mergulhar no caos em duas semanas’ por causa de Covid-19

Auxílio deve voltar em março com parcelas de R$ 250, diz Governo

Dono do hit ‘Gordinho Gostoso’, Neto LX é detido com carro roubado

Vacinação contra o coronavírus é retomada nesta sexta-feira (26)

Prosel 2021: Abertas inscrições para o Processo Seletivo do Ifba/Brumado

Brumado: É Fake o vídeo que circula nas redes sociais na qual torcedores do Flamengo estariam nas ruas em comemoração ao título

Governador proíbe cirurgias eletivas em hospitais públicos e privados da BA por 7 dias

Flamengo é campeão brasileiro mesmo após perder para o São Paulo no Morumbi

Brumado: Incêndio destrói casa na Rua Nazaré no bairro Dr. Juracy; não havia ninguém na residência

Brumado: Mãe de empresário é atropelada por motocicleta na Avenida Centenário

Brumado: Jovem de 24 anos é morto a tiros na Av. Antônio Mourão Guimarães

Brumado: Município registra 59 mortes por conta da Covid-19; 30 estão hospitalizados

Ambulância de Malhada de Pedras e Fiat Toro colidem frontalmente na BR-030, em Brumado

Brumado: Em nota, torcida organizada do Flamengo diz que não irá se manifestar durante rodada final do Brasileirão desta quinta (25)

Lockdown na Bahia: Venda de bebida alcoólica será proibida até em supermercados

Brumado: Cabos e fios soltos preocupam moradores do bairro São José

Governador da Bahia anuncia 'lockdown' no estado a partir de sexta (26)


Exemplo de Superação: Jovem que há um ano pediu para ser preso para ficar livre do crack, hoje vende geladinho para sobreviver

O jovem Wallas voltando à delegacia, mas desta feita de forma honrada e mostrando que dá para vencer o vício das drogas (Foto: Marcos Paulo / 97NEWS)

Existem alguns que acreditam que as drogas é um caminho sem volta, mas, essa tese, apesar de ter sua lógica, não é total, porque existem alguns casos emblemáticos de pessoas que conseguem “dar a volta por cima” e se livrar do vício. Esse é o caso do jovem Wallas Pereira, de 24 anos, que há um ano foi à delegacia pedir para ser preso para se livrar do vício do crack. Após receber a ajuda de algumas pessoas e passar 3 meses no centro de recuperação Metanoia, passado um ano, ele se diz livre do vício e vende geladinho nas ruas de Brumado para sobreviver. Falando ao 97NEWS ele descreveu que “realmente eu fui para a vida errada, cometi coisas que jamais pensaria que iria cometer, perdi a confiança da minha família, ao se misturar com amizades que me levaram para o fundo do poço” e continuou citando que “quando eu vi que estava indo para o abismo, fui até a delegacia para pedir para ser preso, pois o crack estava consumindo a minha vida. Hoje passado um ano disso, estou liberto e vendo geladinho para sobreviver. Estou feliz, pois Cristo me tirou do fundo do poço e me deu uma nova chance de vida”. Ele ainda fez questão de dizer que “eu aconselho aos jovens a, primeiramente, nunca deixarem de ouvir os conselhos dos pais, pois eles só querem o bem. Valorizem a sua família que é o bem maior que temos nessa terra e se desviem daqueles que não tem nada de bom para oferecer. É possível sair do vício, mas tem que ter força de vontade, fé em Deus e ajuda dos amigos e parentes. Eu graças a Deus tive essa oportunidade e hoje me sinto honrado novamente em poder estar no convívio social”. 



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário