ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Bares e restaurantes de Livramento de Nossa Senhora e Rio de Contas registram aglomerações

Ótica Stéfany, armação com preço único

Acelerador de partículas do Brasil produz a primeira imagem do novo coronavírus

Bahia chegou a 105 mil casos e 2.483 mortes por coronavírus no domingo

Comunicado Pax Nacional

PSOL entra com queixa crime contra Bolsonaro por atuação na pandemia

Covid-19: Brasil registra mais de 24 mil novos casos em 24h; óbitos superam 72 mil

RotSat: Rastreamento de veículos ou de sua frota!

Brumado registra 263 casos da Covid-19 e 209 pacientes curados; dois estão hospitalizado

Confira os especialistas da semana na Clínica Mais Vida em Brumado

Caminhão tomba em ribanceira e deixa feridos em Conquista

Brumado: Irregularidades em Licitação pode ser um dos motivos de impeachment do Prefeito

Polícia desarticula quadrilha de receptação de caminhões furtados em Guanambi

Brumado: Em patrulhamento pelo bairro Dr. Juracy, Polícia apreende drogas


Caetité: Em plena pandemia, vereadores recebem reajuste salarial de 40%; retroativo passa de R$ 2 milhões

Foto: Reprodução l Sudoeste Bahia

Justiça libera reajuste de 40% no salário dos vereadores do município de Caetité que estava travado desde outubro de 2016 -- data de aprovação do projeto -- devido a uma Ação Popular proposta pelos advogados Leonardo Monteiro e Fabiano Cotrim. Com isso, a remuneração dos parlamentares no mês de março passou de R$  6.824,72 para R$ 10.128,00. Anualmente o legislativo caetiteense pagará em salários, somente para os vereadores R$ 1.823.040,00. Segundo o site Sudoeste Bahia, além do aumento, eles também receberão retroativamente os valores do aumento referente aos anos de 2017, 2018 e 2019. A mudança segue a Constituição Federal, mas gera polêmica em meio à crise econômica e à queda de arrecadação na cidade. Nas ruas, não é difícil achar quem esteja indignado com a novidade. A população cobra atenção a outros problemas enfrentados pelo município. Apesar da disponibilização dos valores, a ação popular ainda está em trâmite e o recurso não fora julgado. No entanto, segundo a reportagem, os parlamentares já estão recebendo os seus salários no valor de R$ 10.128,00 -- já com o aumento de 40% -- desde março deste ano. Entretanto, de acordo com o site, a justiça ainda não autorizou tal aumento. Procurado pela reportagem, o presidente da Câmara, Álvaro Montenegro informou que o pagamento do reajuste estão sendo feitos desde janeiro de 2020. Ele ainda ressaltou que ainda não foram pagos os valores retroativos referentes aos anos de 2017, 2018 e 2019, que somam aproximadamente o valor de R$ 140.000,00 para cada vereador. Levando em consideração o valor informado por Montenegro, multiplicado pelo total de vereadores, o valor do retroativo a ser desembolsado pelo legislativo caetiteense será de cerca de R$  2.100.000,00 (dois milhões e cem mil reais). A este valor deverão ser acrescentadas as correções. Montenegro ainda confirmou que os componentes do Executivo caetiteense -- prefeito, vice-prefeito e secretários irão receber o retroativo, mas não nesse primeiro momento.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário