ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

MP cobra solução de captação irregular de água no Distrito de Cristalândia, em Brumado

Atleta brumadense representará o Brasil durante Campeonato Sul-Americano de Fisiculturismo em São Paulo

Brumado: Polícia encontra pé de maconha em casa no bairro Malhada Branca

Governo da Bahia proíbe shows e festas com qualquer número de participantes

Brumado: Mulher fura companheiro com chave de fenda no braço

CICOM de Brumado tem novo coordenador; Capitão Felipe Barcellos

Dezembro tem a cor laranja: Clínica Mais Vida entra na campanha de prevenção do câncer de pele

Empesa pinta faixa de sinalização em cima de buraco em rodovia que liga a BA-148 ao distrito de Itaquaraí

Justiça de Brumado dá ganho de causa a servidor público que foi transferido após eleições

Brumado registra 79 novos casos do Coronavírus em 24h

Segunda onda na Bahia pode trazer cenário mais grave do que no pico da pandemia, diz Sesab

'Comando Vermelho não entrou na Bahia', garante secretario de Segurança Pública

Gás de cozinha fica 5% mais caro a partir desta quinta-feira (3)

Brumado: 20ª Coorpin receberá nova viatura do Governo do Estado

Após alta durante pandemia, preço de material de construção volta a cair em Brumado

Músico acusa Safadão de não pagar direitos de música e quer R$ 4,5 mi de indenização

Vitória da Conquista registra média de 30 casos por mês de golpes de venda de veículos

Pfizer pressiona Brasil sobre acordo para a vacina do coronavírus

Covid-19: Três cidades baianos não usavam nem telefone para atender usuários, aponta IBGE

Brumado registra mais de 3 mil casos confirmados de coronavírus


Coronavírus: Três vacinas já estão em fase de testes em humanos, diz OMS

Foto: Reprodução

De acordo com um novo relatório da Organização Mundial da Saúde (OMS), setenta vacinas contra o coronavírus estão em desenvolvimento em todo o mundo. Dessas, três já estão em fase de testes em humanos. A mais avançada no processo clínico é um imunizante desenvolvido por uma empresa com sede em Hong Kong que desenvolve e fabrica produtos e vacinas biológicos, em parceria com o Instituto de Biotecnologia de Pequim. As outras duas candidatas em teste foram desenvolvidas separadamente pelas farmacêuticas americanas. A CanSino recebeu no mês passado a aprovação regulatória chinesa para iniciar os testes em humanos com sua vacina. A Moderna recebeu aprovação regulatória da FDA, agência americana que regula medicamentos, para avançar rapidamente para testes em humanos em março. A aprovação permitiu que a Moderna “pulasse” anos de testes em animais. Em geral, essa etapa é uma norma no desenvolvimento de vacinas. Já a Inovio começou seus testes em humanos na semana passada. As demais candidatas, incluindo vacinas em desenvolvimento por gigantes farmacêuticos como Sanofi e Janssen (braço farmacêutico da Johnson & Johnson) estão em fase pré-clínica. O progresso das vacinas contra o novo coronavírus está ocorrendo a uma velocidade sem precedentes na história. Normalmente, o tempo necessário entre o desenvolvimento de uma vacina e sua chegada ao mercado varia de 10 a 15 anos. No caso do novo coronavírus, a expectativa é já ter um imunizante aprovado e disponível para uso em até um ano e meio.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário