ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Número de candidatos que se apresentam com identidade religiosa bate recorde

Anvisa permite importação excepcional de remédios e vacinas para varíola dos macacos

Endocrinologista pediatra da Clínica Mais Vida alerta sobre cuidados com exercícios físicos

Guarda municipal não atua como força policial, decide STJ

CIPRv apreende 2 kg de maconha em ônibus interestadual próximo a Caetité

Brumado: Policial de folga identifica foragido de unidade prisional e aciona guarnição da 34ª CIPM

Homem desmaia após explosão de pneu em borracharia no Oeste da Bahia

Armazém do Criador: 19 de Agosto - Dia da Aviação Agrícola

Brumado tem redução de 40% em crimes violentos letais intencionais no 1º semestre de 2022

Bahia registrou 138 denúncias desde 2019 sobre trabalho escravo

Guanambi: Carro capota e médico sai ileso de acidente na 'Curva da Morte'

Pedestres se arriscam atravessando fora da faixa no centro comercial de Brumado

Adolescente de 15 anos usa a rede social para denunciar abuso sexual em Livramento de Nossa Senhora

Homem é morto a tiros e pedradas em Coaraci

Celular explode enquanto criança de 6 anos assistia vídeo no interior do Ceará

Guanambi: Jovem de 24 anos tem perna amputada após acidente de moto

Vitória da Conquista: Boliviana é presa com cocaína encontrada dentro de saco de 'batatas'

Site do governo da Bahia é suspenso após decisão judicial

Bahia registra 5 mortes e 1.170 novos casos de Covid em 24h

Tema Livre Podcast desta semana conversou com Joan Júnior, cantor e compositor


Brumado: Pacientes do TFD relatam falta de banheiro em ônibus que faz linha para Salvador; Sesau diz que vai resolver situação

Foto: Ilustrativa

Pacientes do Tratamento Fora do Domicílio (TFD), de Brumado, que fazem exames e outros procedimentos médicos em Salvador e Vitória da Conquista, relataram que um dos ônibus em que são transportados não possui banheiro. Segundo eles, o motorista tem que parar na rodovia para os pacientes fazer as necessidades. "Não é em todos os ônibus, mas tem um que quando eles [prefeitura] colocam para levar a gente, não tem banheiro", relata um paciente que não quis se identificar. Ainda segundo os pacientes, além do sofrimento com o tratamento, eles tem que passar por um constrangimento desses. "Muitos de nós retornamos com dores, ânsia de vômito e precisamos sempre ir ao banheiro, mas nem sempre o ônibus que eles fornecem tem o sanitário", afirma outro paciente do TFD. De acordo com os usuários, alguns pacientes que estão com câncer e fazem a radioterapia ou quimioterapia são os que mais sofrem. “A secretaria de saúde tem conhecimento da situação”, declarou uma das acompanhantes. Em resposta, a Secretaria Municipal de Saúde informou que o ônibus do TFD sai todos os domingos, terças e quintas-feiras a noite e, retorna de Salvador às segundas, quartas e sextas-feiras. "Esse ônibus tem ar-condicionado, banheiro conforme reza o contrato. O que acontece é que, as vezes nós temos pacientes que viajam para Salvador nas segundas e quartas, que são ônibus extras, que é quando a gente atinge um número máximo de pacientes, e ai, mandamos um segundo veículo, e nesse ônibus, realmente não tem banheiro", afirma Claudio Feres, secretário de saúde. Ainda segundo ele, a partir do mês de dezembro, em acordo com a empresa terceirizada da prefeitura, serão ampliadas as paradas para este tipo de veículo. "Nós vamos realizar paradas de uma hora, e vamos pedir a empresa que faça um relatório fotográfico de cada local de parada e vamos afixar no TFD do município para todos os pacientes verificarem as paradas", esclareceu Feres. De acordo com o secretário, além dessas paradas programadas, se por algum motivo o paciente precisar, como em casos de emergência, a empresa está determinada a realizar. "O ônibus não vai parar apenas nesses locais definidos, se em algum caso de emergência o paciente precisar, o motorista está autorizado parar, tanto o micro-ônibus sem banheiro como o que tem o sanitário", disse o secretário de saúde do município.



Comentários

  • Amaury

    "Bom dia Secretário, Se o contrato regue que os veículos tem banheiro, não justifica os carros extras não ter aí é quebra de contrato, é obrigação do prestador do serviço colocar a serviço veículos que obedeça o contrato, se não faça locação para atender o contrato. - Vereadores pronunciem sobre o tema e cobrem o cumprimento do contrato."

Deixe seu comentário