ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Brumado registra o 28º óbito por Covid-19, o novo coronavírus

Amargosa: Novo tremor em distrito assusta moradores na noite de terça-feira (27)

Bete Fruits: Frutas e verduras fresquinhas todos os dias

Taxa de ocupação de leitos de UTI Covid-19 volta a subir e chega a 55% na Bahia

Brumado: Município registra 229 pacientes em tratamento por conta da Covid-19

Polícia Civil localiza 30 integrantes da facções rivais na Bahia em operação

Investimento em educação desafia prefeitos em final de mandato

Governo publica redução de impostos sobre videogames

Petrobras reduz preço do diesel em 4% e da gasolina em 5% a partir de hoje (27)

Sem controle de aglomerações, Bahia pode enfrentar 2ª onda de Covid antes do fim do ano

Brumado registra 36 novos casos de Coronavírus nas últimas 24h

Chuva derruba árvores e causa enxurrada em Brumado; veja o vídeo

Muro de canal do 'Riacho do Bufão' cai após chuva intensa em Brumado

Limite máximo de pessoas permitidas em eventos na Bahia é ampliado de 100 para 200

Campanha eleitoral no Brasil já destinou R$ 12,8 milhões ao Facebook

Brumado: Venha conhecer a loja Império 10

Chapada Dimantina: Homem é preso após ser flagrado com CNH falsa e diz que comprou documento por R$ 3 mil

RotSat: Rastreamento de veículos ou de sua frota!

Saúde Brasil acumula 5,3 milhões de casos e 157 mil mortes por covid-19

Pax Nacional é referência no segmento funerário e se destaca em toda região


Eleitores brumadenses optaram pelo e-Título como documento na hora de votar

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

Boa parte dos eleitores brumadenses utilizaram a ferramenta que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) lançou para as eleições 2018. O e-Título, um aplicativo para plataformas Android e iOS teve mais de 10 milhões de downloads feitos no Brasil. A ferramenta funciona para quem está em dia com a Justiça Eleitoral, pois o aplicativo pode substituir o documento na hora de votar. O e-Título apresenta informações como dados da zona eleitoral do usuário e a situação cadastral do eleitor em tempo real. Após baixá-lo, basta que o eleitor insira seus dados pessoais. O aplicativo também permite ao eleitor emitir a certidão de quitação eleitoral, além da certidão de crimes eleitorais. Essas certidões são emitidas por meio do QR Code, o que possibilita a leitura pelo próprio celular. O eleitor que fez o recadastramento biométrico junto à Justiça Eleitoral, a versão do e-Título vem acompanhada da foto, o que facilita a identificação na hora do voto. Mas para quem ainda não baixou o aplicativo, continua sendo obrigatório a levar outro documento oficial com foto para se identificar ao mesário durante a votação no 2º Turno. Em Brumado, a nossa equipe flagrou algumas situações em que os eleitores optaram pelo documento digital. A eleitora Maria das Graças falou com a nossa equipe e disse que a ferramenta é de grande importância na hora do voto. "Sai de casa apenas com o meu celular, já tinha baixado o aplicativo, e consultei os meus dados. No início fiquei meio relutante, com medo de não aceitarem, mas funciona mesmo", relata a dona de casa. Já o jovem Ricardo de Almeida Santos, destacou que outros órgãos poderiam copiar o modelo do TSE e, utilizar os aplicativos como forma de identificação. "Estamos vivendo num mundo digitalizado, as ferramentas ou aplicativos nos Smartfones facilitam a vida das pessoas e, o e-Título é mais uma delas", comentou o estudante. A 90ª Zona Eleitoral não tem dados de quantos eleitores usaram o aplicativo na cidade, mas ressalta que o percentual só vem crescendo, principalmente para o segundo turno das eleições que acontece dia 28 de outubro.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário