ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Bahia: Roças com 120 mil pés de maconha são descobertas em Curaçá

Empresa brumadense vai investir R$ 8 milhões na cidade e gerar novos empregos

Embasa descobre novas ligações clandestinas no distrito de Lagoa Funda, em Brumado

Confira os especialistas da semana na Clínica Mais Vida em Brumado

Sesab afirma que está preparada para vacinar 5,08 milhões de pessoas na Bahia

Passa valer a partir desta sexta-feira (15), o aumento no número de vagas e novos preços na Área Azul

Queima de pneus usados contamina residencial Brisas com fumaça tóxica

Exames Laboratoriais na Clínica Mais Vida - excelência de qualidade com maior comodidade

Brumado registra a 46ª morte por conta do Coronavírus


Caetité: Moradores fazem protesto e bloqueiam pista no distrito de Brejinho das Ametistas; manifestantes reclamam da falta de emprego

Foto: Paulo Souza

Na manhã desta terça-feira (31) moradores de Brejinho das Ametistas bloquearam a BA-611, que dá acesso a cidade de Caetité ao distrito. Na manifestação, apenas veículos de empresas foram bloqueados pelos manifestantes. Na tarde ontem (30), um outro manifesto já havia acontecido, mas nenhum representante das empresas apareceu. Segundo os manifestantes, as empresas que estão instaladas na região de Brejinho não estão gerando empregos para a população local, trazendo de fora a mão de obra. O alvo principal da paralização, são as empresas Ferrovia Oeste Leste (FIOL) e Bahia Mineração. “Quando não tem a pessoa que não tem aquele curso adequado para a realização de determinado serviço, tudo bem, porque não é capacitado. Mas aqui eles estão trabalhando com mão de obra comum e mesmo assim, por exemplo, nós temos Técnico em Segurança do Trabalho e Armador e muitas pessoas que fizeram cursos e podem ocupar esses cargos. Não tem necessidade de trazer pessoas de fora de Brejinho das Ametistas”- disse um dos manifestantes. Ainda na parte da manhã, um representante da empresa que atua na ferrovia, apareceu e solicitou os currículos dos moradores e  fez o compromisso de analisa-los. Segundo os trabalhadores, ele se comprometeu ainda, demitir os funcionários que não são da localidade de Brejinho das Ametistas. A empresa Bahia Mineração, não se manifestou.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário