20.Abr.2017 - 15:06
 
Brumadense, Genivaldo Portela não resiste à AVC e morre em São Paulo
Por Redação
 
 

Foto: Divulgação
 

O brumadense Genivaldo Portela (Côco), de 42 anos, acabou falecendo nesta quinta-feira (19) em razão de complicações causadas por um AVC (Acidente Vascular Cerebral) hemorrágico. Ele estava internado no Hospital Dante Pazzanese de Cardiologia, em São Paulo, desde que realizou a última cirurgia cardíaca. Côco havia realizado procedimento no dia 06 de abril deste ano, e segundo os próprios médicos ele apresentava uma considerável melhora. Mas infelizmente nesta quinta, Côco não resistiu e acabou falecendo. Genivaldo sofria com problemas cardiovasculares por causa da Doença de Chagas. A família já prepara o translado de Genivaldo para Brumado, onde será sepultado. O 97NEWS expressa os sentimentos de pesar à família enlutada.