29.Set.2016 - 16:59
 
Goiás: Candidato é morto a tiros e vice-governador é baleado em carreata
 

Foto: Reprodução/Whatsapp
 

O vice-governador de Goiás, José Eliton, e o candidato à Prefeitura de Itumbiara José Gomes da Rocha (PTB) sofreram um ataque a tiros durante carreata na tarde desta quarta-feira (28). Gomes, que já foi prefeito da cidade, chegou a ser socorrido, mas morreu no hospital. José Eliton, também secretário de Segurança Pública e Administração Penitenciária de Goiás, recebeu ao menos dois disparos no abdômen. Segundo uma nota divulgada pelo governo de Goiás no começo da noite, José Eliton passou por uma cirurgia de emergência no Hospital Municipal de Itumbiara e, sedado, foi transferido de helicóptero para Goiânia –na capital, seria internado no Hugol (Hospital de Urgências Doutor Otávio Lage de Siqueira). Ainda de acordo com a nota, o estado de saúde do vice-governador era considerado estável e ele não corria risco de morrer. José Eliton é o governador em exercício do Estado –o titular, Marconi Perillo (PSDB), está em missão comercial no Canadá e nos Estados Unidos. Por volta das 18h, em um ponto da avenida Modesto de Carvalho, um homem desceu de um carro preto que estava parado na via, na direção contrária a que a carreata seguia, e começou a atirar, com uma pistola de calibre.40. Segundo informações da Polícia Militar, o carro tinha placa de Curitiba (PR). O atirador foi identificado pelo delegado regional de Itumbiara, Ricardo Chueire, como sendo Gilberto Ferreira do Amaral, 53, auxiliar de serviços gerais da Secretaria Municipal de Saúde. Após o ataque que feriu o vice-governador e matou o candidato a prefeito, uma troca de tiros também atingiu o cabo da Polícia Militar Vanilson Rodrigues, que fazia a segurança do evento, e o próprio autor do atentado, ambos morreram no local.