19.Mai.2017 - 15:45
 
Prefeitura de Brumado será parceira do TRE-BA para realização da biometria na cidade
Por Ascom TRE/BA
 
 

Apoio foi garantido ao presidente da Corte Eleitoral baiana, José Edivaldo Rotondano, pelo prefeito do município Eduardo Vasconcelos (Foto: Divulgação)
 

A Prefeitura de Brumado também deverá contribuir com a Justiça Eleitoral no processo de recadastramento biométrico dos eleitores do município. O apoio foi garantido ao presidente do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA), desembargador José Edivaldo Rocha Rotondano, pelo prefeito da cidade, Eduardo Vasconcelos, após reunião realizada nessa quinta-feira (18/5). O encontro ocorreu no gabinete do desembargador, no Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA). Desde fevereiro deste ano, o eleitorado de 52 cidades baianas, incluindo Brumado e a capital (Salvador), está sendo convocado pela Justiça Eleitoral para a realização do procedimento. A revisão biométrica é obrigatória e a penalidade para aqueles que não responderem ao chamado será o cancelamento do título. O prazo para a conclusão do recadastramento é 31 de janeiro de 2018. Quem não se recadastrar terá o título de eleitor cancelado e será impedido de tirar passaporte, receber aposentadoria ou pensão paga pelo governo federal, fazer matrícula em instituição de ensino superior, tomar posse em cargo público, além de outros impedimentos como o recebimento do programa ‘Bolsa Família’, benefício que poderá ser suspenso em razão do cancelamento do título. Em Brumado, a convocação está sendo feita por meio da 90ª Zona Eleitoral e é válida também para eleitores do município de Aracatu e Malhada de Pedras. Os três municípios possuem 67.875 eleitores. Desses, apenas 10.455 (15,40%) já fizeram o recadastramento. Isso significa que 57.420 cidadãos ainda precisam ser biometrizados. O recadastramento biométrico deve ser realizado no Fórum Eleitoral de Brumado (Avenida João Paulo I, S/N, Nobre), de segunda a sexta-feira, das 8h às 14h. O recadastramento biométrico é um processo simples e está dividido em cinco etapas: coleta das digitais de todos os dedos das mãos, registro fotográfico, assinatura digital, revisão dos dados cadastrais e reimpressão de novo título

 

Foto: Reprodução