ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Rio de Contas: Mesmo com fortes chuvas na região o volume de água na barragem Luís Vieira é considerada baixo

Com investimento de R$ 4 milhões, Polícia Civil irá promover uma ampla renovação de equipamentos

Simões Filho: Show gospel do ex-cantor de arrocha é interrompido por tiroteio em frente igreja

Brumado: É nesta sexta (15) no Campo Society do Clube Social de Brumado o 'Futebol Solidário'

Coelba troca poste danificado no Bairro São Jorge

Zé Ribeiro presta homenagens por meio de comendas, medalhas e títulos de cidadania

Justiça Federal aceita denúncia contra 29 acusados de fraudes com a Lei Rouanet

'Acabou essa desgraça!': Convite de formatura 'sincerão' viraliza

Malhada de Pedras: Ex-prefeito 'Ceará' tem suas contas de 2016 rejeitadas pelo TCM

Zé Raimundo apoia trabalhadores em greve de fome e alerta para novas fases do golpe

Lídice nega que vá deixar base de Rui: ?Jamais farei isso?

Waldenor e Zé Raimundo se reúnem com secretário de saúde para tratar da agenda de inauguração dos leitos da UTI de Brumado

13 de Dezembro - Dia do Pedreiro: Quartzolar parabeniza a todos os profissionais

Servidor do INSS de Vitória da Conquista é condenado por fraudes em concessão previdenciária

Moradores do São Jorge preocupados com poste danificado; 'pode causar um grave acidente', relatam

Delegacia Territorial de Polícia Civil de Livramento recebe reforma

Instituto Nacional de Meteorologia emite boletim de alerta para Brumado e demais cidades da Região Sudoeste

Vem ai virada de preço: Raneychas e Banda Magnatas no Pré-Réveillon da AABB de Brumado

Brumado: Chuvas deixam estradas e pontes do meio rural intransitáveis; em alguns locais moradores estão ilhados

O filme se repete: Pista da Lindolfo fica destruída após a forte chuva da noite desta terça-feira (12)


Reforma trabalhista: Um dia após rejeição, Câmara aprova tramitação com urgência

Foto: Reprodução

Após uma manobra do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), que colocou novamente em votação, sem debate, o requerimento de urgência da reforma trabalhista na noite desta quarta-feira (19), a base do governo Temer conseguiu aprovar a proposta que acelera a tramitação do projeto. O requerimento havia sido rejeitado na noite desta terça, quando faltaram 27 votos, mas após um acordo entre parlamentares da base, que conseguiram votos suficientes para sua aprovação, voltou a ser votado. Com aprovação, por 287 votos a 144, a previsão é que a comissão especial vote a reforma trabalhista na próxima terça-feira 25 e, no plenário, na quarta (26). Em protesto contra a manobra antirregimental, os deputados da oposição gritaram "golpe" atrás de Rodrigo Maia e o acusaram de usar o "método Cunha" de votação, em referência aos episódios em que o ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha manobrava para conseguir aprovar uma votação que já havia sido rejeitada, como aconteceu com a redução da maioridade penal.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário