ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Brumado: Empresário Gilson Dias declara apoio ao pré-candidato Tiago Amorim

APLB-SINDICATO: 66 anos de uma luz que nunca se apaga

Brumado: Família pede apoio para tratamento de Igor Carvalho que nasceu com 'ossos de cristal'

Junior Brumado é novamente convocado para Seleção Brasileira Sub-20

Após incessantes apelos dos moradores, começa a limpeza do Bairro Irmã Dulce

RotSat: contrate o rastreamento de seu veículo ou de sua frota onde você tem confiança e qualidade

Convocatória da APLB de Brumado

Brumado: Esgoto em rua de uma casa só gera questionamentos; SEINF explica

Brumado: Tiro de Guerra realizou atividades em alusão a semana do Exército Brasileiro

Tanhaçu: Homem morre atropelado por retroescavadeira

Brumado: Em tentativa de homicídio adolescente é alvejado no início da tarde desta terça-feira (24)

Coelba: Nota de esclarecimento aos moradores da zona rural de Aracatu

Brumado: Polícia Civil intensifica investigações no intuito de prender os autores do arrombamento em loja de móveis

Vulneráveis: Sites de prefeituras sofrem cada vez mais ataques cibernéticos

SEINF garante que irá resolver problemática de rua arrasada no Bairro Olhos D'água

BA-262: Caminhão com carga de eucalipto pega fogo próximo a Aracatu

Polícia Federal cumpre mandado na Câmara dos Deputados

Viralizou: Vídeo de PM em roda de capoeira durante a Micareta de Feira faz sucesso nas redes sociais

Eletroencefalograma Digital com mapeamento cerebral, no Centro Médico São Gabriel

Brumado: No dia do aniversário da mãe, adolescente é assaltado e tem arma apontada na cabeça por bandido


Boato de morte de crianças pelo jogo Baleia Azul no Brasil assusta brumadenses

Mensagem no WhatsApp dizia que jovem daria balas envenenadas para crianças de três escolas da cidade (Foto: Luciano Santos l 97News)

Um boato envolvendo o jogo "Baleia Azul" (Blue Whale), que incentiva o suicídio, assustou moradores de Brumado, Sudoeste da Bahia, nesta quarta-feira (19). Uma mensagem, que começou a circular pelo WhatsApp, dizia que uma participante do desafio estava pronta para envenenar crianças de três escolas do município. O episódio deixou em alerta a Polícia Militar e as diretorias das instituições. A PM afirma que o conteúdo é falso. No texto, que se espalhou por vários grupos de Whatsapp, uma menina se identifica como moradora de Brumado, diz que está na décima tarefa das 50 relacionadas ao jogo, e que esta etapa seria distribuir balas envenenadas para 30 crianças de três escolas da cidade. “Oi me chamo Yasmim, estou no desafio da baleia azul, moro na cidade de Brumado estou no décimo desafio, que é dar balas envenenadas para 30 criancas de 3 escolas diferentes, como já conheco bem a cidade, escolhir o Idalina, o Cmeas e o Caic, pois tem mais crianças, peço desculpas as mães, mas tenho que cumprir, ou eles vêm atrás de mim, sinto muito pelos filhos de vcs, desafio aceito”, diz a mensagem, que começou a circular no início da manhã desta quarta-feira (19) na cidade. 

 


Segundo a polícia, há mais versões da mensagem circulando, com outras cidades e outras escolas (foto: Reprodução l WhatsApp).

 

Segundo especialistas de segurança, a mensagem é falsa, e além disso, o 10º desafio que aparece na mensagem não é um dos que consta na lista do jogo. Em Brumado, até o momento, não tem notícias de moradores envolvidos no jogo. A Polícia Civil também informou que não há ocorrências sobre o assunto. Ainda de acordo com a Polícia, desde que os casos relacionados ao game começaram a ser divulgados na imprensa, professores e pedagogas de todo Brasil começaram a abordar o assunto em sala de aula, fazendo um trabalho de prevenção. Na Bahia, uma adolescente de 15 anos, Ana Vitória Sena de Oliveira, desapareceu nesta segunda-feira (17), na cidade de Juazeiro, norte do estado, mas a Polícia Civil da cidade, não confirma se o desaparecimento tem ligação com o caso do game "Baleia Azul". Já a família suspeita que o sumiço tenha sim relação com o jogo.

Foto: Divulgação


Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário