ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

É hoje (26): Forró do Bode 2018

Brumado: Greve dos caminhoneiros continua e movimento ganha cada vez mais apoio popular

Governo publica decreto que autoriza uso das Forças Armadas para liberar rodovias

26 de Maio: Dia Nacional de Combate ao Glaucoma; saiba como se prevenir

PM nega suspensão de patrulhamento na Bahia e define estratégia de segurança

Fligê 2018 amplia programação e participação de jovens

AGU pede que STF declare greve dos caminhoneiros ilegal

Brumado: Agroamigo realiza 'Calendário do Bem 2018'

Brumado: Prefeitura divulga programação dos festejos do aniversário da cidade

Sindicato comunica que não tem mais gasolina nos postos da Bahia

‘Bairro está esquecido com ruas esburacadas, muito mato, sem UBS e sem quadra de esportes’, afirmam moradores do Esmeraldas

Exército escolta caminhão até Reduc na 1ª ação após anúncio de Temer

Pastor da Igreja Adventista do Sétimo Dia usa Tribuna Livre da Câmara para falar sobre projeto Impacto Esperança

'Senado está de plantão para resolver greve', diz Eunício

Presidente do Sindicato dos caminhoneiros na Paraíba diz que Temer acaba de decretar ‘guerra civil’: “O que vier a gente vai enfrentar”

Temer diz que governo acionou 'forças federais' para desbloquear estradas

Brumado: Caminhoneiros defendem ‘Intervenção Militar Já’

Brumado: 5º dia da Greve dos Caminhoneiros confirma união da categoria e repulsa aos sindicatos

Em pronunciamento no Legislativo, vereadora Lia Teixeira externa o seu apoio aos caminhoneiros

Embasa recomenda economia de água durante greve dos caminhoneiros


97News Saúde: Ginecologista Dr. Rafael Vilela Reis fala sobre a Endometriose

O Dr. Rafael Reis é ginecologista e obstetra (Foto: Luciano Santos | 97NEWS)

Dentro do quadro “97NEWS SAÚDE”, a nossa equipe ouviu o médico ginecologista e obstetra Dr. Rafael Vilela Reis, CRM 27678 – BA, sobre a Endometriose, uma doença que ainda tem sobre si muitas dúvidas e questionamentos. A doença é caracterizada pela presença do endométrio – tecido que reveste o interior do útero – fora da cavidade uterina, ou seja, em outros órgãos da pelve: trompas, ovários, intestinos e bexiga. Todos os meses, o endométrio fica mais espesso para que um óvulo fecundado possa se implantar nele. Quando não há gravidez, esse endométrio que aumentou descama e é expelido na menstruação. Em alguns casos, um pouco desse sangue migra no sentido oposto e cai nos ovários ou na cavidade abdominal, causando a lesão endometriótica. As causas desse comportamento ainda são desconhecidas, mas sabe-se que há um risco maior de desenvolver endometriose se a mãe ou irmã da paciente sofrem com a doença. Hoje, a doença afeta cerca de seis milhões de brasileiras. De acordo com a Associação Brasileira de Endometriose, entre 10% a 15% das mulheres em idade reprodutiva (13 a 45 anos) podem desenvolvê-la e 30% tem chances de ficarem estéreis. Confira todos os detalhes no vídeo abaixo, onde o Dr. Rafael Reis explica muitos detalhes sobre a doença: Veja o vídeo.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário