ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Mega-Sena acumula e prêmio pode chegar à casa dos R$ 90 milhões

Mais um crime brutal confirma grau de violência em Brumado

Cerca de 30 prefeitos são investigados pelo MP por nepotismo na Bahia

‘Aqui todo mundo é parente’, alega prefeito baiano acusado de nepotismo

Em crise, Vitória enfrenta a Chapecoense neste sábado (22) pelo Brasileirão

Luto em Conquista: Morre o professor da UESB, Otoniel Magalhães Morais, vítima de câncer

Brumado: Operação 'Paz no Trânsito' tem continuidade na manhã deste sábado (22)

Brumado tem carreata e protestos contra preços dos combustíveis

Cristaluz inaugura moderna loja com um amplo showroom na área de produtos elétricos e iluminação

Estado é condenado a pagar R$ 160 milhões para 44 baianos por ação de 1991

Mega-sena pode pagar R$ 78 milhões em sorteio neste sábado

CCJ aprova fim de carros oficiais de autoridades; projeto seguirá para plenário

Vereadora Lia Teixeira participa de cerimônia com o presidente do TRE-BA

Lula cita Rui Costa como nome viável para disputar a presidência em seu lugar

Número de reclamações contra a Caixa sobre o FGTS mais que triplica em 1 ano

Fake News: Como identificar as notícias falsas

Entenda como a Reforma Trabalhista vai afetar quem já está empregado

Rio: Forças Armadas irão para as ruas diz Ministro da Defesa

Realidade bizarra: robô sexual agora ouvirá seus problemas

Vândalos destroem cabos de provedor de internet mais uma vez, e geram prejuízos a Maxxnet em Livramento


97News Saúde: Ginecologista Dr. Rafael Vilela Reis fala sobre a Endometriose

O Dr. Rafael Reis é ginecologista e obstetra (Foto: Luciano Santos | 97NEWS)

Dentro do quadro “97NEWS SAÚDE”, a nossa equipe ouviu o médico ginecologista e obstetra Dr. Rafael Vilela Reis, CRM 27678 – BA, sobre a Endometriose, uma doença que ainda tem sobre si muitas dúvidas e questionamentos. A doença é caracterizada pela presença do endométrio – tecido que reveste o interior do útero – fora da cavidade uterina, ou seja, em outros órgãos da pelve: trompas, ovários, intestinos e bexiga. Todos os meses, o endométrio fica mais espesso para que um óvulo fecundado possa se implantar nele. Quando não há gravidez, esse endométrio que aumentou descama e é expelido na menstruação. Em alguns casos, um pouco desse sangue migra no sentido oposto e cai nos ovários ou na cavidade abdominal, causando a lesão endometriótica. As causas desse comportamento ainda são desconhecidas, mas sabe-se que há um risco maior de desenvolver endometriose se a mãe ou irmã da paciente sofrem com a doença. Hoje, a doença afeta cerca de seis milhões de brasileiras. De acordo com a Associação Brasileira de Endometriose, entre 10% a 15% das mulheres em idade reprodutiva (13 a 45 anos) podem desenvolvê-la e 30% tem chances de ficarem estéreis. Confira todos os detalhes no vídeo abaixo, onde o Dr. Rafael Reis explica muitos detalhes sobre a doença: Veja o vídeo.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário