ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Número de mortos pelo coronavírus foi maior do que o esperado para 63% dos baianos

Brumado: Servidores públicos que pertencem ao grupo de risco serão afastados durante a pandemia

34ª CIPM: 31 policiais testam negativo para o coronavírus após colega contrair o vírus

Veja o número de casos e mortes por coronavírus no Brasil e na Bahia

Macaúbas: Paciente com Covid-19 morre após traumatismo craniano

Brumado registra 40 casos de Coronavírus e 25 pacientes estão com o vírus ativo

Brumado: Mais um profissional de saúde do hospital municipal testa positivo para o novo coronavírus

Brumado: Pré-candidato a prefeito Alessandro Lobo é condenado a 8 anos de inelegibilidade por abuso de poder econômico

Brumado: Câmara aprova requerimento 05/2020 que prevê a devolução de quase R$ 800 mil ao Executivo

Brumado: Enfermeira da UTI testa positivo para Covid-19

Funcionários da Assembleia Legislativa da Bahia testam positivo para Covid-1

Brumado: 'Cuidem de nossas famílias' cobra diretor da CDL ao destacar relaxamento da população no combate a Covid-19

Mortes por Covid-19 no Brasil dobram em 16 dias, chegando a 30 mil

Brumado: Número de casos da dengue chega a 294; 13 possuem sintomas grave da doença

Otorrino da Clínica Mais Vida chama a atenção para a essencial importância do uso da máscara

Brumado: Mulher de 40 anos que estava internada na Central de Atendimento a Covid-19 não resiste e vem a óbito

Servidores da Secretaria de Saúde de Brumado são monitorados após apresentarem sintomas de Covid-19, diz Sesau

Decreto que suspende aulas e eventos na Bahia é prorrogado até 21 de junho

Brumado: Fabrício Abrantes e Move Mulher querem retorno dos seis meses Licença Maternidade e a inclusão das mães adotivas

Brumado: Policial Militar testa positivo para Covid-19 e 34ª CIPM será monitorada


VCA: Sindicatos e movimentos sociais se organizam contra os ataques orquestrados pelo governo Temer

(Foto: Divulgação)

O governo Temer não tem dado sossego para os trabalhadores. No último dia 22, foi aprovado pela Câmara dos Deputados o Projeto de Lei 4.302/1998, que amplia a terceirização, alcançando até as atividades fins. Isso pode significar o fim dos concursos públicos e relações de trabalho ainda mais precárias. Este é só mais um ataque orquestrado pelo governo Temer, que começou com o congelamento dos gastos públicos em 20 anos, que poderá culminar no fim dos serviços públicos por falta de orçamento. Junto a isso, as reformas da previdência e trabalhista, a terceirização representam a destruição de direitos. Neste cenário que trabalhadores de todo o país estarão nas ruas amanhã (31), organizando a luta contra esses retrocessos e rumo a greve Geral em abril. Em Vitória da Conquista, Sindicatos e movimentos sociais consolidaram o Fórum Sindical e Popular que tem como objetivo mobilizar os trabalhadores localmente para combater os ataques do governo. “Movimentos sindicais e sociais em Conquista deram um passo importante para a organização dos trabalhadores em nossa região. Com a criação do Fórum, estaremos construindo de forma organizada o enfrentamento. Juntos somos mais fortes e a unidade é o caminho para barrar o avanço dessa política que ataca nossa classe”, ressalta Paulo Barrocas, presidente do SEEB/VCR. O Sindicato dos Bancários de Vitória da Conquista e Região, que está compondo a coordenação do Fórum, convoca toda sua base e demais trabalhadores para o ato público, amanhã, no dia 31 de março, às 8h30, na praça 9 de novembro.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário