ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Aluna brumadense irá representar Brumado na 14ª Edição da Olimpíada Nacional de Matemática 2018

Salvador: Claudia Leitte e outros passageiros são impedidos de voar em aeronave de táxi aéreo irregular

Homicida arrependido se apresenta em Vitória da Conquista e confessa que matou o cunhado em SP

Devido à situação cada vez mais crítica no Distrito de Cristalândia, Lia Teixeira busca o MP para evitar possível colapso no abastecimento

Cruzeiro conquista o hexa da Copa do Brasil

Brumado: 'Campanha do Quilo' arrecada cerca de 150 kg de alimentos não perecíveis

Poções: Estelionatários são presos tentando sacar R$ 68 mil em banco; dinheiro seria usado em campanha política

Veículo funcional de vidraçaria é furtado na madrugada de hoje (18) em Brumado

Cliente apaixonado é levado pela polícia após assediar garota de programa; homem não pagou pelos serviços e queria levar a bela para morar com ele

Livramento: Homem fratura pênis durante relação sexual

Árbitra baiana denuncia assédio sexual por instrutor da FBF; CBF vai apurar o caso

Brumado: Projeto Cidadão do Futuro atende crianças e adolescentes da Vila Presidente Vargas

Crescem as especulações sobre a privatização da Embasa em novo governo de Rui Costa

Brumado: Escola CMEAS conquista 1º lugar no concurso nacional ´Geração Sustentável´

Saúde Pública: Município de Dom Basílio obtém 'ótima' avaliação na atenção básica da saúde bucal

Empresário baiano descobre província de minério nível pré-sal no Sudoeste da Bahia

Universidade do Estado da Bahia prorroga período de inscrição para Vestibular UNEB 2019

Facebook começa a avisar brasileiros que tiveram dados roubados

'Manelão’ agradece os eleitores e garantiu estar com o sentimento do dever cumprido

Mineradores ampliam a mobilização da campanha salarial 2018


Três em cada dez casas do País não têm água encanada, esgoto e coleta de lixo

Três em cada dez casas brasileiras não têm ao menos um dos três pilares do saneamento básico: água encanada, esgoto ou coleta de lixo. A taxa, que consta do estudo Síntese de Indicadores Sociais, divulgado pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) nesta sexta-feira (29), considera apenas as construções de áreas urbanas, excluindo residências rurais. Apesar do índice alto, o instituto destaca que a proporção de casas sem acesso completo à rede de saneamento vem diminuindo no País. Segundo o estudo, a taxa subiu de 63% para 70,3% em dez anos. O IBGE aponta que, quando se fala em água, esgoto e coleta de lixo, há grande desigualdade entre famílias ricas e pobres. “Em 2002, para a classe de rendimento de até meio salário mínimo médio mensal per capita domiciliar, apenas 38,4% declararam ter acesso ao saneamento adequado, chegando a 82,0% para a faixa acima de dois salários mínimos per capita”, diz o texto. “Em 2012, essas proporções foram de 51,7% e 83,6%, respectivamente.”“Vale incluir a iluminação elétrica na análise de acesso simultâneo a serviços ao domicílio”, afirma o estudo. “Dos 29,7% dos domicílios que não tinham acesso aos quatro componentes (abastecimento de água, esgotamento sanitário, coleta de lixo e iluminação elétrica), em 2012, 93,5% acusaram ausência de esgotamento sanitário.”

A pesquisa do IBGE leva em consideração, principalmente, os dados da Pnad 2012 (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios). O levantamento se apoia em dados sobre a população brasileira, desigualdades raciais e de gênero, arranjos familiares, domicílios, educação, saúde, trabalho e rendimento e compara informações de 2002 e 2012. O objetivo é conhecer a realidade brasileira, sobretudo para avaliar a qualidade de vida do brasileiro.  



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário