ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Caixa inicia a programa de demissão voluntária para 3,5 mil funcionários

Mãe é filmada agredindo filha com chicote emprovisado; Polícia e Conselho Tutelar apuram o caso

Brumado: Município será contemplado com Programa de Triagem Auditiva Neonatal

Brumado: Comerciantes estão com medo da onda de furtos e assaltos no estacionamento do Mercado Municipal

Cantora Marília Mendonça recebe cheque sem fundo de R$ 130 mil após show

Restaurante serve por engano vinho de R$ 23 mil a cliente

Mau cheiro provocado por fezes de andorinhas gera queixas na região da praça da Prefeitura em Brumado

Brumado: Cejusc aplica 'Círculo de Construção de Paz' para a Vara dos Juizados Especiais

Presidente do Comdica participa de curso para o processo de escolha unificado para o Conselho Tutelar de Brumado

Brumado: Instrutor é acusado de 'estupro de vulnerável' por abusar aluno de 6 anos em escola da comunidade de Lagoa Funda

Caetité: Carro tem pane elétrica, bate em árvore e fica destruído

Conquista: Motorista é preso com mais de meia tonelada de maconha em caminhão na BR-116

Jovem suspeito de atirar em gerente da Real Calçados durante assalto em Salvador é preso

Brumado: PETO recupera moto roubada na região de Malhada de Pedras

Estudante de direito é preso após furtar produtos em supermercado no centro de Brumado

34 obras com recursos estaduais e federais estão paralisadas na Bahia

Dia do gari: Profissionais são conhecidos pela simpatia e irreverência em Brumado

Faculdade Pitágoras oferece oficinas gratuitas de capacitação profissional em Brumado

Justiça Eleitoral multa prefeito de Guajeru em R$ 10 mil

Gerente da Real Calçados em Livramento é baleado durante assalto a hotel em Salvador


Tiro de Guerra de Brumado implanta Educação Inclusiva

(Foto: Divulgação)

No dia 29 de setembro, o Subtenente Paulo Souza, Chefe de Instrução do Tiro de Guerra06/024 participou do minicurso “Acessibilidade para quem precisa”, promovido pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia (IFBA), que objetiva promover a inclusão social e educacional entre pais, alunos, professores comunidade, além de incentivar a educação profissional e tecnológica, oferecendo oportunidade às pessoas com necessidades específicas de terem acesso a uma educação de qualidade, que promova a inclusão, respeitando sempre os direitos da pessoa com deficiência. O Subtenente Paulo Souza disse que sua participação no minicurso visa sua qualificação para atender o grupo “Eu tenho um anjo” que possui aproximadamente 25 crianças e adolescente com necessidades específicas. O grupo utilizará as instalações do TG com aula de expressão corporal e outras atividades a serem promovidas pela professora Juliana Barreto e equipe multidisciplinar. 



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário