ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Covid-19: Governo recomenda que todos utilizem máscara ao sair de casa

Fique em casa! Boletim divulgado pela Sesau de Brumado mostra que notificações continuam subindo

Vacina contra covid-19 está perto de ser testada em humanos, diz site UOL

Bahia tem 282 casos confirmados de Covid-19 e 63 pessoas curadas

Professora que pediu 'militares na rua' a Bolsonaro é empresária, militante e dá aulas online

'A sociedade não aguenta ficar três meses parada', diz Bolsonaro

Benefício de R$ 600 começa a ser pago na próxima semana, diz Ministro da Cidadania

Coronavírus: Malhada de Pedras instala barreira sanitária na entrada da cidade

Pneumologista da Clínica Mais Vida esclarece dúvidas sobre o Covid-19

Caetité: Funcionária da INB sofre acidente a caminho do trabalho e é levada por UTI aérea

Brumado: Cervejaria doa 382 litros de álcool 70% para Secretaria de Saúde

Secretaria de Saúde registra quinta morte por coronavírus na Bahia

Brumado: Polícia detêm homem que tentou atirar em moradores na zona rural

Brumado: PRE realiza balanço de acidentes do mês de março

Bahia registra quarto óbito pelo novo coronavírus (Covid-19)

Prefeito de Caculé suspende quarentena e através de Decreto autoriza a reabertura do comércio

MP vai evitar candidatos 'turbinados' com verba de fundo partidário

Brumado: Esgoto estourado causa transtornos aos moradores de bairro Dr. Juracy

Brumado: Após recomendações de isolamento social no município, igrejas usam as redes sociais para transmitir celebrações

Sobe para 295 notificações de casos do novo coronavírus em Brumado, informa Sesau


Brumado: Professores continuam em greve, e ameaçam não participarem do desfile cívico de 7 de setembro

Foto: Marcos Paulo/97NEWS

Mesmo após a derrubada do veto feita pela administração municipal ao reajuste dos salários dos professores, a categoria ainda estão em greve. Tudo porque a proposta apresentada não agradou os professores. De acordo com os educadores, vão manter a greve porque a prefeitura tentou alterar o texto para que fosse retirado do projeto o nome da APLB como sindicato que representa os professores no município. Mas os professores aprovaram por unanimidade a permanência do sindicato como representante legal da categoria. Segundo Cézar Nolasco, presidente regional da APLB, mesmo com a derrubada do veto eles vão continuar com a greve até que a administração municipal apresente o projeto na íntegra. Ainda de acordo Nolasco, se não for firmado um acordo imediato, nós não vamos participar do desfile cívico do 7 setembro, e vamos sim fazer um protesto. Com esta situação muitos pais de alunos procuraram a redação do 97NEWS para saberem se mandam ou não seus filhos para o desfile das escolas. Segundo a Secretaria de Educação, o desfile ocorrera normalmente, seguindo o roteiro programado. Nossa equipe vai acompanhar de perto todo o desfecho destas negociações.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário