ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Morre professor da UNEB de Brumado Ruivaldo Macedo Costa, vítima de câncer

Polícia Civil faz operação contra empresa que deixou de entregar respiradores a municípios da Bahia

Bahia tem 709 novos casos e passa de 18,3 mil registros de Covid-19

Macaco de espécie ameaçada de extinção é resgatado em Lençóis

Urandi registra primeira morte por coronavírus na cidade

Brumado 31 casos de coronavírus e 17 pacientes com o vírus ativo

Galpão com 28 infectados por covid-19 é incendiado em Campo Alegre de Lourdes

Brumado registra mais uma cura do Covid-19, o novo Coronavírus

Ônibus apreendido com motorista infectado com Coronavírus passará por desinfecção em Brumado

Confira os especialistas da semana na Clínica Mais Vida em Brumado

Em vídeos da semana, Fabrício Abrantes fala sobre políticas para a família do campo e 'sentimento de mudança' em Brumado

BA-148: Motorista de caminhão surta e tenta invadir casas na comunidade de Fazendinha

Intenção de consumo cai para 18,3% na Bahia

Viatura da PM bate em muro durante perseguição em Licinio de Almeida

Valec e Exército assinam contrato para retomada das obras da Fiol em 60 dias

Mais de 21 mil litros de cerveja são apreendidos por sonegação fiscal em Conquista

Brumado registra 28 casos confirmados do Covid-19; 15 estão ativos

Operação conjunta da Policia Militar e Prefeitura fecha bares irregulares em Brumado

Brumado: Bombeiro Civil faz orientações de segurança com manutenção de gás de cozinha

Brumado: Motorista que testou positivo para Coronavírus é flagrado transportando passageiros na feira livre


Justiça determina implantação urgente de 68 novos leitos de UTI em Conquista

(Foto: Blog da Resenha Geral)

Uma decisão da Justiça Federal determinou que os governos Municipal e Estadual iniciem a implantação de 68 novos leitos de UTI em Vitória da Conquista no prazo de 90 dias. A decisão judicial, dessa quinta-feira (28), também exige a transferência de todos os pacientes que se encontram ou venham a se encontrar necessitados de atendimento em UTI para hospitais públicos ou particulares detentores de tais unidades. A Ação Civil Pública proposta pelo MPF junto com a Defensoria Pública, em maio deste ano, a partir de uma iniciativa da Comissão de Direitos Coletivos e Difusos da Subseção da OAB Conquista, pedia a implementação de 144 leitos de UTI adulto, 46 leitos UTI neonatal e 11 leitos de UTI pediátrica na macrorregião sudoeste e no Município de Vitória da Conquista. No entanto, a Justiça Federal apontou para a instalação e o funcionamento de pelo menos 50% da quantidade necessária (50 leitos de UTI adulto, 15 leitos de UTI neonatal e 03 leitos de UTI pediátrica). A investigação que gerou a Ação teve início após o óbito de um paciente que aguardou por 15 dias vaga para a UTI do Hospital de Base do município. O presidente da OAB, Ubirajara Ávila, destacou que a “o pleito se trata de medida de extrema urgência, uma vez que hoje o quadro se mostra caótico, estando a vida de centenas de pessoas em risco na nossa cidade por conta de uma omissão inadmissível do Poder Público”. (Por Mateus Novais)



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário