ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Conquista: Jovem cai de estrutura do Centro Cultural Glauber Rocha e morre

Brumado: Alunos da APAE recebem carinho, amor e muita animação com a festa de Carnaval

Rio de Contas: Primeira noite de carnaval segue tranquila e teve apenas 12 infrações, diz PRE

Aluna sofre parada cardíaca em escola e morre na cidade de Caculé

Confira os especialistas da semana na Clínica Mais Vida em Brumado

Porto Seguro é segundo destino mais procurado no Carnaval da Bahia

Brumado: 'Placa indica pavimentação em rua do bairro Rodoviário, mas ela nunca chegou', afirmam moradores

Procurado por latrocínio na região de Brumado é inserido no 'Baralho do Crime', informa SSP-BA

Brumado: Dois meses depois de ter casa atingida por incêndio, com ajuda da população, moradora consegue reerguer moradia

Saiu mais um ganhador do 'Show de Prêmios' da Locar Rápido!

Brumado: 'Não é censura à imprensa', diz defensor público estadual sobre nova lei de 'Abuso de Autoridade'

Câncer de vesícula biliar – doença silenciosa – previna-se

Brumado: Prefeitura e Câmara decretam Luto Oficial de 3 dias devido ao falecimento de Mestre Eufrásio

Fundação Getúlio Vargas aponta aumento de extrema pobreza com cortes no Bolsa Família

Bebê nasce com cara de 'brava' e imagem viraliza na internet

Conquista: Motorista de app pede ajuda aos Bombeiros após carro ficar ilhado com chuva

Brumado: Paralisação dos professores estaduais entra no terceiro dia; categoria comemora com 'Carnaval de Protesto'

Trio elétrico completa 70 anos de desfile no carnaval da Bahia


Vídeos sobre o preço da gasolina na divisa do Brasil e Venezuela viraliza na internet

Foto: Reprodução

Se os brasileiros já são apaixonados por carros mesmo pagando em média até R$ 3,89 pelo litro da gasolina no país, imaginem se o preço fosse de apenas R$ 0,39 centavos? Pois essa é a realidade dos vizinhos da Venezuela, que pagam bem menos pelo combustível do que por uma garrafa de água potável.  Acredite, encher com gasolina o tanque de um carro de família (com capacidade para 50 litros) num posto da divisa custa R$ 6,00.  Dono de uma das maiores reservas de petróleo do mundo e um dos principais fornecedores dos Estados Unidos, a Venezuela tem sua economia regida há muitos anos pelo vai-e-vem do preço dos barris no mercado internacional. Quando o valor do "ouro negro" sobe, como agora, o governo tem dinheiro de sobra para investir em infra-estrutura e programas sociais. Mas o petróleo barato influencia principalmente a microeconomia, aquela do dia-a-dia dos venezuelanos. E a diferença está nas ruas. Quase não se vê carros de mil cilindradas, mais econômicos, nas ruas. A população prefere carrões ao estilo norte-americano, que fazem em média de 5 a 7 quilômetros com um litro de gasolina, contra uma média de 10 quilômetros por litro dos carros mil cilindradas, que é um sucesso de vendas no Brasil. Por isso nesse momento de crise os brasileiros estão visitando ainda mais o país vizinho, e filmando a fila imensa de carros que aguardam para abastecer, na única bomba de gasolina que é permitida aos brasileiros.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário