ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Conquista: Manifestantes lotam frente do Fórum da cidade e pedem justiça pela morte do estudante e motorista de aplicativo

Brumado: Superintendente de Trânsito desmente situação de 'bullying' na SMTT

Brumado: Moradores da Vila Presidente Vargas denunciam envenenamento de gatos

Brumado: Bandidos entram em residência e levam R$ 2 mil em joias no bairro Ginásio Industrial

Jovem morre em acidente de moto na zona rural de Aracatu

Carga com mais de 3 toneladas de maconha é apreendida pela PRF na BR-116

Brumado: Após tentar disparar contra PM, suspeito acaba sendo alvejado próximo à Prefeitura

Incêndio florestal em Rio de Contas é controlado por bombeiros

Novembro Azul: Pax Nacional apoia esta ideia

Acusados pela morte do estudante de odontologia e motorista de aplicativo são presos em Vitória da Conquista

RotSat: Rastreamento veicular com qualidade, eficiência e segurança

Família procura por aracatuense, desaparecido há 7 dias

Grave acidente entre os municípios de Tanhaçu e Ituaçu deixa uma vítima fatal na BA-142

PodoClin, Podologia Avançada em Brumado

Brumado: Conseg apresenta projetos em combate a violência contra a mulher

Tremor de terra assusta moradores de cidades do interior do Estado

Inep proíbe o uso de celular a aplicadores do Enem

Mãe é presa suspeita de jogar água quente na filha de 16 anos durante briga

Confira os especialistas da semana na Clínica Mais Vida em Brumado

Lula agradece militância e ataca Lava Jato em 1° discurso após prisão


Mãe de aluno denuncia que o Caic está ficando sem água e sem merenda para as alunos da creche

As mães estão preocupadas com a substituição das refeições por farofa de fígado (Foto Ilustrativa)

A empregada doméstica Hélia de Jesus dos Santos (32) procurou a redação do 97NEWS para relatar uma situação que ele classificou como muito preocupante, a qual está acontecendo no Caic. Segundo ela a refeição que era servida para os alunos da creche vem sendo substituída por uma farofa de fígado, o que provocou um forte mal estar em sua filha, que teve uma crise estomacal aguda. Além disso, ela relatou que está faltando água na escola e até a merenda poderia estar sendo feita com água de poço, o que poderia também estar causando náuseas e crises de vômitos nos alunos. Ainda segundo ela a falta de água é grave, pois os alunos da creche, que antes eram dispensados às 17h, agora estão indo para a casa às 11h, sem uma alimentação adequada e sem poder fazer a devida higienização. Ela pediu explicações urgentes por parte da Secretaria de Educação. “Essa situação tem que ser explicada, pois como se fornece dois dias seguidos somente farofa de fígado para os alunos, quando antes era dada uma refeição bem melhor”, questionou. Outras mães também procuraram o 97NEWS para relatar a situação, que irá buscar ouvir a secretária Acácia Ribeiro para saber se as denúncias têm procedência e, caso tenham, quais as medidas que serão adotadas para sanar o problema.  



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário