ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Brumado: PM apreende menor que invadiu mercearia, furtou celular e dinheiro no Irmã Dulce

Eleições 2020: 77 partidos estão em fase de criação no Brasil

Brumado: Município está entre as cidades da Bahia com maior índice de infestação do aedes aegypti

Brumado: Morador cria bode solto e irrita vizinhos na comunidade de 'Passa Vinte', próximo a Itaquaraí

Brumado: 'Prefeitura não dispõe de terreno para ampliação do cemitério no distrito de Ubiraçaba', diz secretário de administração

Quatro morrem após batida entre carro e caminhão na BR-116, região de Cândido Sales

Homem sofre tiro acidental ao manusear arma de fogo em Livramento de Nossa Senhora

Brumado: Estacionamento desordenado na Praça Heráclito Antônio Cardoso provoca confusão

Bebê morre ao levar choque elétrico em geladeira

Polícia Civil já tem uma linha de investigação do duplo homicídio registrado em Aracatu

Brumado: Mais um brumadense leva R$ 10 mil na 'Nota Premiada' do Governo

Nutricionista da Clínica Mais Vida fala sobre a influência da nutrição na fertilidade masculina

Brumado: Com 22 anos de história e trabalhos sociais, Alternativa FM tem licença renovada por mais 10 anos

Manutenção preventiva da Embasa suspende abastecimento em Brumado e Malhada de Pedras

Brumado: Sem lugar para sepultar, moradores de Ubiraçaba pedem ampliação de cemitério

Tradicional celebração religiosa termina com diversas motocicletas apreendidas em Livramento de Nossa Senhora

Homens agridem agentes de trânsito após notificação por estacionar em local proibido em Vitória da Conquista

TCM orienta municípios sobre uso de recursos do Pré-Sal

Durante Assembleia, Policiais Civis aprovam paralisação das atividades por 48 horas a partir da próxima segunda feira (27)

Ibama renova licença de operação de minas e concentração de urânio da INB em Caetité


Impactante: Relato de uma Delegada de Polícia

(Imagem Ilustrativa)

"Há dois anos e sete meses sou delegada de polícia. Embora eu tenha passado no concurso na condição de concurseira e não propriamente na de vocacionada, aprendi muito na polícia civil e com a polícia civil. Aprendi a dar maior valor à vida, porque vi que ela é frágil demais. Aprendi a dar valor ao sono, porque ele é artigo de luxo para um policial. Aprendi a enfrentar situações de risco com mais naturalidade, porque se trabalha com o risco todo dia. Aprendi que garantista mesmo não é aquele que infla falando do assunto, de pantufa, com uma doutrina na mão, e sim aquele que confere as garantias ao preso numa delegacia, há 48h sem dormir, trabalhando em condições precárias, com fome, com sono e diante de um bêbado gritando e ofendendo até a sua quinta geração. Aprendi que há profissões em que a gente acaba pagando para trabalhar, porque os recursos matérias e humanos são parcos e a gente quer muito que aquilo dê certo, que fique bom. Aprendi que servir e proteger não é só um juramento. É um modo de vida. Aprendi a me abnegar, a esgotar as minhas forças e continuar de pé, a enfrentar meus medos e a deixar, muitas vezes, a família e os amigos de lado (é a pior parte) para bem cumprir a minha missão. Os únicos a abrir as portas para as vítimas nas madrugadas frias. Aqueles que são os primeiros a tomar conhecimento do crime e a tomar as primeiras (e mais sacrificantes) providências (ouvir os familiares do morto logo depois do homicídio, comparecer no local do crime, na vila, de madrugada, na chuva, para isolar o local e colher os primeiros elementos de prova...). Aqueles que volta e meia têm que se confrontar com marginais. Generalizar e jogar lama na honra, na coragem e no mérito dos policiais não vai fazer da polícia uma instituição melhor. Apoie o policial. A esmagadora maioria arrisca a vida por você!"



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário