ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Cipe-Chapada prende homem com revólver, drogas e dinheiro em Milagres

WhatsApp vai lançar nova versão; veja as mudanças

Como a Bahia virou uma potência mundial do marketing político

Após ser espancada, mulher denuncia o marido e posta foto do rosto no Whatsapp

Bahia estreia neste domingo no Baianão sem três titulares

O Congresso poderá votar ainda no primeiro semestre projeto que regulariza o funcionamento de cassinos no Brasil,

Efeito Waack: Globo cobrará multa milionária de contratado em 'comportamento anti-ético'

Violência em Itapetinga: Adolescente é executado e outro morre em confronto com a PM

Mais de 1,4 mi de eleitores ainda não fizeram biometria na BA; prazo termina dia 31

Haddad sugere que Viagra passa a ser vermelho para homenagear 'T' de Lula pelo Brasil

Cristiane Brasil é autorizada pelo STJ para assumir o Ministério do Trabalho

BR-430: Motoqueiro é atingido por caminhão e tem morte instantânea na região de Caetité

20 de janeiro: Brumadenses irão comemorar o `Dia de São Sebastião´ patrono de Brumado

Jornalista global se demite após 18 anos para investir em bitcoin

Mega-Sena pode pagar prêmio de R$ 15 milhões hoje (20)

Instrumentos que foram roubados de Caetano Veloso são recuperados pela Polícia

Governo da Bahia divulga resultado provisório de concurso para soldado da PM

Barreiras: Pai é suspeito de agredir filha com machado após ela reagir a tentativa de abuso

Olha o Gás: Petrobras reduz preço de gás industrial e comercial em 6,3% a partir de sábado

Brumado: Confira a programação do `Verão Vip 2018´


Em culto, pastor diz que bispo já 'cheirou muito pó' e vídeo faz sucesso na web

(Foto: Reprodução)

A honestidade de um pastor e um bispo da Igreja Universal está fazendo sucesso nas redes sociais. Em um vídeo que viralizou na web nesta última terça-feira (28), a dupla assumiu um passado de vícios antes de assumirem seus cargos na igreja em São Paulo. Amigos de longa data, o pastor Luciano Farinha e o bispo Rogério Formigoni não pouparam detalhes ao relatar a vida que levavam anteriormente durante um culto. "Usou muita droga comigo... Você, hoje bispo, Rogério Formigão", disse o pastor Luciano nas imagens. "Cheirou muito pó, fumou pedra, maconha, chá de cogumelo, lança… farra nos motéis do meu tio”, revelou. Os amigos riram ao relembrar as 'aventuras', e contaram que têm fama no interior de São Paulo por conta da constantes farras que faziam durante o período. "Chegamos a comprar um quilo de cocaína pura", disse o pastor. Hoje em dia, o bispo Formigoni é conhecido por ajudar na recuperação de viciados em substâncias químicas pelos fiéis da Igreja Universal. Ele já escreveu um livro, e já revelou a sua jornada como usuário de drogas e de envolvimento no tráfico antes de encontrar a religião."Comecei dando meu primeiro trago em um cigarro na escola (...) Aquilo que era só para experimentar tornou-se meu maior pesadelo porque vieram as outras drogas, e tudo que dava uma sensação de euforia ou poder eu estava topando", escreveu o bispo em sua página da Igreja Universal. "Por causa das drogas e do dinheiro do tráfico, não faltavam mulheres e noites fora de casa, frequentava casas de prostituição, me relacionava com muitas mulheres casadas, solteiras, garotas de programa etc. Não tinha escrúpulos".



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário