ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Brumado: Jovem é apreendida com drogas e carregador para rádio comunicador no bairro São Felix

Atenção: Após surto no Brasil, Sesab quer elevar cobertura vacinal de sarampo

Conta de luz subirá até 3,86% com reajuste de receita de hidrelétricas

Conquista: Leilão de carros e motos apreendidos acontece na quinta-feira (19); são lotes com preço mínimo de até R$ 100

Bahia: Recursos para merenda escolar sofrem queda; o corte chega aos R$ 40 milhões

Brumado: Qual o motivo das pessoas deixarem as alianças de ouro em casa?

Malhada de Pedras: Tiro de Guerra 06-024 realiza entrega de Certificado de Dispensa

Morre a segunda vítima atingida por caminhão de entulho em acidente na cidade de Salvador

Boa Notícia: Advogado que desapareceu em Eunápolis é encontrado em Vitória da Conquista

Equipamentos sem manutenção ao lado da Academia de Saúde no Bairro Dr. Juracy se tornam ‘armadilhas’ para crianças

Brumado: Celebrações que antecedem o Dia de São Cristovão são iniciadas

Brumado: Risco de sair à noite e ter celular levado por assaltantes assusta a população

Salvador: Carro de entulho se envolve em acidente e atropela várias pessoas; uma vítima não resistiu e morreu no local

Safra baiana cresce e produção de grãos bate recorde em 2018; milho é a segunda cultura mais importante

Caetité: Duas pessoas morrem e outra fica gravemente ferida em colisão frontal na BR-030

Carreta tem leve colisão com trem e causa congestionamento na BR-030 na manhã desta terça-feira (17)

Vereadora Lia Teixeira visita obras da Creche do Bairro São José

Cuidado: Intoxicação ou envenenamento atinge 37 crianças por dia

Operação Transbordo: Bahia tem 25 mandados de prisão e 36 de busca e apreensão

Mãe de advogado desaparecido nega que ele tenha sido encontrado


'Fiz muito sexo por interesse', confessa Andressa Urach

(Foto: Reprodução)

Andressa Urach está se recuperando de uma experiência de quase morte e afirmou que está muito mudada, fisicamente e espiritualmente. A loira admitiu que tinha preconceito contra homens sem dinheiro. "Também fiz muito sexo por interesse, nunca por amor. Sempre me envolvi com homens de bom poder aquisitivo, comprometidos, casados, para conseguir deles boas viagens e bons jantares. Não tenho vergonha de contar, porque isso faz parte do meu passado", disse ela ao Ego.Urach contou que nos 25 dias que passou em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) chegou a ver vultos negros a cercando e temeu por sua vida. Para ela, todo o sofrimento foi causado pelo seu passado, que chama de "pecaminoso".  

Disse também que fazia "trabalhos" para prejudicar pessoas que podiam atrapalhá-la e para conseguir o que queria. "No hospital vi espíritos da morte querendo levar a minha alma. Eram a alma da morte. Eles me rondavam porque queriam a minha alma de qualquer jeito. Isso tudo porque eu não agradeci a Deus", acredita. "Não cometi pecados de matar, de roubar, mas pecados de excesso de vaidade, de arrogância. Era arrogante talvez em função da vida difícil que tive. Ignorada pelo meu pai, abusada sexualmente dos 2 aos 8 anos pelo marido da mulher maravilhosa que me criou, uma professora de português, fui ficando com o coração mais frio. Também passei por cima de algumas pessoas e também expus muito a minha vida, o meu corpo... No hospital passou todo esse filme na minha cabeça, mas Deus conhecia o meu coração", lembrou. A loira disse que teve muitas conquistas profissionais com ajuda de "trabalhos". "Tinha consulta com uma senhora que comandava um centro. Não chegou a ser magia negra, não sei explicar muito bem", diz. "Também fiz mal para algumas pessoas, fazendo trabalhos para elas se afastarem de mim. A senhora que comandava o centro dizia o nome da pessoa, e eu fazia o trabalho para mantê-la longe", conta. Ela estima que tenha gastado quase o preço de um apartamento com os trabalhos. Apesar dos casos com vários homens, Urach diz que nunca encontrou um amor de verdade. "Sempre tive preconceito com homem que não tinha dinheiro. Sempre quis homens que me proporcionassem bons jantares, boas viagens, e isso é um pensamento triste. Não buscava o sentimento da pessoa e, sim, o que ela poderia me oferecer", disse durante a entrevista.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário