ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Começou a matrícula de estudantes do Ensino Médio que desejam ingressar na rede estadual

Adolescência agora vai até os 24 anos de idade, e não só até os 19, defendem cientistas

Obrigado Brumado! Verão Vip 2018 foi um sucesso

‘Existe claramente uma perseguição política a Lula’, afirma presidente do PT de Brumado

Brumado: Sorteio eletrônico das vagas para o período letivo de 2018 acontecerá nesta terça-feira (23)

Brumado: Vende-se casa com piscina e área de lazer

Ibiassucê: Ginásio de esportes paralisado há anos é concluído com apoio de Waldenor e Zé Raimundo

Brumado: Creche do bairro São José será construída com recursos federais e apoio do município; obra está orçada em mais de R$ 1 milhão

Brumado: Serviço de Internação Domiciliar é implantado no município

Livramento: Advogado acusa PM de agressão com soco no rosto

Brumado: Agentes de trânsito estacionam motocicleta em local proibido; motoristas reclamam

Ortopedia na Clínica Master com Dr. Márcio Rios

Motorista embriagado provoca acidente grave com motociclista em Livramento

Salvador: Carro atropela 15 pessoas em Itapuã; veículo tem várias multas por excesso de velocidade

Cármen suspende posse de Cristiane Brasil no Ministério do Trabalho

Gasolina sobe 19,5% em seis meses e já beira os R$ 5 em algumas cidades

Salvador: Criança de dois anos baleada na cabeça e está em estado gravíssimo

Transplante de fezes é testado contra a obesidade

Cipe-Chapada prende homem com revólver, drogas e dinheiro em Milagres

WhatsApp vai lançar nova versão; veja as mudanças


Um sonho realizado será desfeito na Cooperativa

Toda instituição que envolve cooperados na zona rural da Bahia sonha em ter uma fábrica para produzir e vender com qualidade seus produtos, mas nem sempre a conquista de uma fábrica é sinônimo de desenvolvimento já que os gastos aumentam e de acordo com a administração financeira o sonho acaba virando pesadelo. Foi exatamente o que aconteceu com a Cooperativa Agropecuária de Guanambi.

 

A instituição conseguiu realizar o sonho de montar uma usina de laticínios com o propósito de melhorar a vida e a renda dos associados, facilitando assim o escoamento da produção com mais facilidade e qualidade. Depois de tempos funcionando a questão financeira da fábrica chegou a um limite impossível de ser mantida em funcionamento.

 

O presidente Sidney Primo Junior a cooperativa que fica localizada em Guanambi informou à imprensa que a fábrica tem um débito total de R$ 1,5 milhão de reais que precisa ser pago o mais rápido possível. Ele também lamentou que 22 funcionários serão prejudicados com a venda da usina, mas como gestor ele tem que cumprir com os compromissos financeiros da cooperativa.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário