ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Brumado: Botijões de gás são flagrados sendo transportados irregularmente

PRF resgata aves silvestres transportadas irregularmente em bagageiro na BR-116 de ônibus

Conquista: Manifestantes lotam frente do Fórum da cidade e pedem justiça pela morte do estudante e motorista de aplicativo

Brumado: Superintendente de Trânsito desmente situação de 'bullying' na SMTT

Brumado: Moradores da Vila Presidente Vargas denunciam envenenamento de gatos

Brumado: Bandidos entram em residência e levam R$ 2 mil em joias no bairro Ginásio Industrial

Jovem morre em acidente de moto na zona rural de Aracatu

Carga com mais de 3 toneladas de maconha é apreendida pela PRF na BR-116

Brumado: Após tentar disparar contra PM, suspeito acaba sendo alvejado próximo à Prefeitura

Incêndio florestal em Rio de Contas é controlado por bombeiros

Novembro Azul: Pax Nacional apoia esta ideia

Acusados pela morte do estudante de odontologia e motorista de aplicativo são presos em Vitória da Conquista

RotSat: Rastreamento veicular com qualidade, eficiência e segurança

Família procura por aracatuense, desaparecido há 7 dias

Grave acidente entre os municípios de Tanhaçu e Ituaçu deixa uma vítima fatal na BA-142

PodoClin, Podologia Avançada em Brumado

Brumado: Conseg apresenta projetos em combate a violência contra a mulher

Tremor de terra assusta moradores de cidades do interior do Estado

Inep proíbe o uso de celular a aplicadores do Enem

Mãe é presa suspeita de jogar água quente na filha de 16 anos durante briga


Três pessoas são presas após desligar os aparelhos do irmão em hospital de Guanambi

Foto: Divulgação

Na última sexta-feira (25), três pessoas foram presas, após desligar aparelho do irmão dentro do Hospital Regional de Guanambi (HRG). Segundo apurou o site 97NEWS, Márcio Pereira Neves, de 29 anos, Zelita Pereira Neves, de 32, e Marliete Pereira Neves, de 43 anos, entraram na unidade de saúde após declararem que iam visitar o irmão Almiro Pereira Neves. Almiro estava internado após ser diagnosticado com hemorragia subaracnóidea e pneumonia aspirativa. Os irmãos retiraram o tubo que mantinha vivo o paciente, que não resistiu após o ato criminoso. O trio foi preso logo em seguida pela Polícia Militar. A direção do Hospital abriu uma investigação para apurar o caso. A Polícia Civil deve ouvir os envolvidos esta semana.

 



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário