ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Gabriel Jesus erra pênalti, e Brasil perde para Argentina com gol de Messi

Confira os especialistas da semana na Clínica Mais Vida em Brumado

PM apreende munições e pólvora para arma de fogo em Tanhaçu

Fabrício Abrantes é o novo presidente do Democratas em Brumado

Previsão do tempo para feriadão é de céu claro com possibilidades de chuvas isoladas em Brumado

Policiais baianos recebem R$ 40 milhões em prêmio nesta quinta (14)

Conquista: Policia Civil diz que motorista de aplicativo e estudante foi morto a mando de traficante preso

Brumado: Com estimativa de renegociar dívidas, Prefeitura espera receber R$ 20 milhões

Conseg de Brumado visita instalações do Centro de Operações e Inteligência em Salvador

Pretos e pardos são maioria nas universidades públicas no Brasil, diz IBGE

Operação Proclamação da República reforça fiscalização nas rodovias federais da Bahia

Clínica Mais Vida-Endocrinologista destaca a importância de ampliação da atenção e conscientização sobre o Diabetes

Brumado: Cabeleireiro tem casa pichada no bairro do Hospital e teme ser possíveis ameaças

Brumado: Receita Federal e Ministério do Trabalho serão realocados para espaço da antiga Policlínica

Brumado: Após ter casa interditada, músico denuncia péssimas condições de casa alugada pela Prefeitura

Caetité: Operador morre após cair de pá carregadeira e ser atropelado pelo veículo

Celulares pré-pagos com cadastros desatualizados serão bloqueados

Homem é preso suspeito de comercializar anabolizantes e drogas sintéticas em Conquista

Fã que planejava 'se vingar' da cantora Simaria é preso


Mãe faz apelo para conseguir medicamentos para a filha em Brumado

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

Se não bastasse conviver com o sofrimento da filha há quatro meses, a dona de casa Neia Ribeiro dos Santos, de 30 anos, enfrenta a falta de recursos financeiros para comprar medicamentos usados pela criança de 9 anos. Ainda sem um diagnóstico específico a mãe conta que a luta com a filha Anne Marielly começou em junho deste ano quando percebeu que a filha apresentava fraqueza e olhos com coloração amarela. "Minha filha chegou da escola queixando corpo mole e sonolência, logo desconfiei que não era normal, então levei ela ao hospital", conta. Segundo Neia, na unidade hospitalar o médico disse que a criança estava com virose e à encaminhou de volta para casa, sob recomendação de tomar bastante líquido. "Mesmo assim, não concordei, dias depois percebi que ainda continuava os sintomas e para completar, o xixi estava escuro. Foi quando retornei ao hospital novamente", relata a mãe. Ela conta que no segundo atendimento, o médico continuou assegurando que seria virose. "Vendo a situação da minha filha, mesmo sem condições paguei uma consulta particular, e com os exames de sangue na mão, foi constatado várias alterações, e logo mostrei para a minha agente de saúde e, ela encaminhou para a enfermeira do posto de saúde", disse Ribeiro, que novamente retornou ao Hospital Municipal Professor Magalhães Neto e a pediatra deu a informação que sua filha teria que ficar internada. "Ficamos no hospital por dezoito dias, e ela foi transferida para Salvador em seguida", afirmou. 

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

A dona de casa disse ainda que na capital baiana ainda ficou por cerca de sete dias, mas mesmo assim, sua filha não teve um diagnóstico completo sobre que tipo de doença ela tem. "Nos exames apontam alteração no fígado, mas os médicos não deram um parecer final ainda, eles pediram para dar a medicação, e depois retornar em Salvador para outra avaliação", contou a mãe. Por isso, precisa do medicamentos para amenizar os sintomas; Ursacol; Calcitriol e Protovit. Neia Ribeiro conta que o remédio Ursacol custa R$ 100 e contém apenas 30 comprimidos, o que dura cerca de dez dias. "É por isso que faço esse apelo para conseguir”, desabafou a dona de casa que disponibilizou um telefone para quem possa ajudar. "Peço a ajuda das pessoas para conseguir esse remédio, pois somente ele vai amenizar o sofrimento da minha filha e nosso também, pois todos nós familiares sofremos. O telefone é 77 99982-9109”.



Comentários

  • Tami

    "Vá até a DIRES de Brumado. Eles dispõem do Ursacol. Lá você será orientada como proceder para receber a medicação gratuitamente todos os meses. Fica na rua Joana Angélica, Centro."

Deixe seu comentário