ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Brumado: 'Não tenho mais pretensão de concorrer na política', diz Edmundo Pereira

Brumado: Homem é detido após ameaçar dono de bar com arma de fogo

Clínica Master: Dr. Absolom Duque atende em fevereiro

Mulher usa redes sociais para denunciar estupro em Porto Seguro: 'Nunca esquecerei'

Eleições 2020: Tendo Zé Ribeiro como principal pré-candidato à Prefeitura de Brumado pelo PT, Senador Jaques Wagner se esquiva e diz: 'Uma andorinha só não faz verão'

Caetité: Duas pessoas são baleadas durante discussão com policial durante show de Luiz Caldas

Aderindo movimento baiano, agentes e escrivães da Polícia Civil de Brumado paralisam atividades durante 48 horas

Brumado: Com presença de Jaques Wagner, PT realiza posse regional dos seus diretórios municipais

Brumado: Diagnosticada com fibromialgia, vendedora de cachorro-quente luta para pagar tratamento

RotSat: Rastreamento de veículos ou de sua frota!

Covardia: Idosa de 80 anos tem maxilar quebrado durante assalto na zona rural de Brumado

PRF prende passageira que transportava 25kg de maconha em ônibus no município de Vitória da Conquista

PodoClin: Saiba como tratar

Bahia: Estudantes usam borra de café e criam produtos que repelem Aedes aegypti

Homem morre esfaqueado após sair de festa em Caetité

Endocrinopediatria é na Clínica Master


Uso do biodigestor muda a vida das famílias de produtores rurais em Brumado

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

O aproveitamento do biogás promoveu uma virada nas contas da família do senhor Aparecido e da dona Marlene, na comunidade de Piabanha, zona rural de Brumado. O produtor zerou a despesa com a compra do gás de cozinha. Somando os ganhos, a redução do gasto com o GLP e a economia gerada pelo biodigestor estão trazendo melhoria de renda para a família na ordem de R$ 840 por ano. O agricultor conta que resolveu apostar no aproveitamento sustentável dos dejetos após conhecer o projeto na Divina Providência, que inclusive forneceu o biodigestor para eles. "A partir de 2014, assim que recebemos a cisterna, começamos a cultivar hortaliças em nossa propriedade, e ai nasceu o interesse um ter um biodigestor, quem também fornece adubo para a horta", conta dona Marlene. A propriedade conta com um biodigestor grande em atividade, que é alimentado todos os dias com um balde de esterco fornecido pelo gado da propriedade, e acrescenta-se um balde de água, formando assim o biogás. "Esse gás ele vai do biodigestor direto para o fogão de casa. É um gás limpo, não tem cheiro e tem uma chama mais potente", disse ao 97NEWS Aparecido. Quando o nível do reservatório chega ao seu limite máximo, a família ainda reaproveita a sobra, que é considerada como biofertilizante. As hortas irrigadas com o fertilizante natural são destinadas ao cultivo do coentro, alface, que serve para a própria família. Com isso, a propriedade também reduziu os gastos com adubo e ficou mais produtiva. "Nossa hortaliça é 100% orgânica, não usamos nenhum agrotóxico", comenta Marlene. Segundo a família, apostar no aproveitamento sustentável dos dejetos foi uma decisão acertada. A mudança garantiu redução de custos e vantagens para o meio ambiente, uma maneira de colaborar com o que recebem da terra.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário