ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Rio de Contas: Caminhão carregado de lonas cai em ribanceira em curva da BA-148

Brumado: Uneb disponibilizará monitores para melhorar atendimento na pediatria do Hospital Municipal

Jovem acusa ter sido agredido por homofobia após descer de ônibus em Conquista

Alunos envenenam professora em sala de aula

Jovem de 20 anos é encontrado morto dentro de casa em Brumado

Confira os especialistas da semana na Clínica Mais Vida em Brumado

Brumado: Tratamento do glaucoma e catarata deve retornar a partir de março, diz Sesau

Brumado: IBGE convida população para segunda reunião de planejamento e acompanhamento do Censo 2020

Ortopedia na Clínica Mais Vida com o especialista Dr. Ricardo Amâncio

Escolas de Brumado aderem a campanha contra desafio da rasteira

IBGE prevê safra na Bahia de 8,6 milhões de toneladas de grãos em 2020


Clínica Mais Vida: Tremores nas mãos, eles podem ser sinais de que sua saúde precisa de cuidados

Foto: Divulgação

Todos, mesmo pessoas saudáveis, têm um pouco de agitação nas mãos. Isso é o que os médicos chamam de "tremor fisiológico". É normal, e você naturalmente não percebe, porque é muito leve. Mas, em alguns casos, esse "tremor fisiológico" pode se tornar exagerado. Isso pode acontecer: Se você toma certos medicamentos, como aqueles usados para tratar a depressão, ou asma e outros problemas respiratórios; Se você toma café, fuma cigarros ou usa "estimulantes" (incluindo cafeína e certos medicamentos); Se você está ansioso ou com medo; Se seus músculos estão muito cansados, por exemplo, porque você acabou de trabalhar; Se você tem uma glândula tireóide hiperativa; Se você tiver febre, etc. Portanto observe se esses tremores deixaram de ser natural e se positivo procure um especialista. Uma boa avaliação médica dará um diagnóstico preciso. Agende sua consulta. A prevenção é a melhor forma de cuidar da sua saúde! Para maiores informações, ligue: (77) 3441-4545 / (77) 99951-4755 / (77) 99180-9496 / (77) 3441-4500 / (77) 9.9989-6868.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário