ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Brumado: Criança de 9 anos morre carbonizada em incêndio na zona rural

CNJ solicita informações sobre altos salários de servidores e magistrados ao TJ-BA

Ipiaú: Município registra mais 7 casos de coronavírus e o 6º óbito

Sortudo: Apostador fatura mais de R$ 10 milhões na Lotomania em Ipiaú

Brumado: Câmera de monitoramento flagra adolescente furtando estabelecimento no bairro Ginásio Industrial

Vitória da Conquista registra 3 mil casos suspeitos de dengue

Brumado: Secretaria de Saúde cria site para orientar população sobre o coronavírus

Bahia registra 14.566 casos confirmados de coronavírus

Brumado: Enfermeira aposentada acusa financeira de cobrar por dois empréstimos que não fez

Roberto Jefferson, Luciano Hang, deputado estadual de SP e blogueiro são alvos de operação

Urandi: Sobe para 65 o número de casos de Covid-19, o novo coronavírus

Brumado: Juiz determina afastamento de enfermeira do Hospital Municipal que está grávida e faz parte do grupo de risco

Endocrinologista da Clínica Mais Vida destaca cinco dúvidas frequentes de diabéticos sobre o COVID-19

Grávida entra em trabalho de parto e bebê nasce dentro de viatura da GCM

Pesquisadores criam curativo inteligente que inibe a propagação de bactérias

Bahia tem 305 novos casos de Covid-19 e total ultrapassa 14 mil; nº de mortes sobe para 477

Mutações registradas do coronavírus não são benéficas ao vírus, diz estudo

OMS prevê pandemia seguindo em 'ondas recorrentes'

Dono da Havan é condenado por divulgar fake news contra reitor da Unicamp

Sesab identifica crescimento de 815% nos casos de chikungunya na Bahia


Aviões x Solange Almeida: Cantora é processada e pode pagar cerca de R$ 17 milhões à banda

Foto: Reprodução

A guerra entre Solange Almeida e a banda Aviões parece estar longe de acabar. Isso porque a versão da cantora sobre sua saída da banda soa em outro tom para Isaías Duarte, mais conhecido como Isaías CD. Segundo o empresário da banda, a ex-sócia teria uma dívida com o grupo de mais de R$ 17 milhões. As informações são de que o produtor da banda ainda tentou negociar a permanência de  Solange na banda, no entanto, a cantora teria preferido seguir a carreira solo e enveredar pelo mundo do ‘sertanejo feminino’, em alta por causa de nomes como Marília Mendonça, Mayara e Maraísa, Simone e Simaria, quando anunciou seu desligamento. Isaías relata que os sócios do Aviões do Forró concordaram em aumentar de 15% para 25% as cotas de Solange na sociedade. "Não satisfeita, ao final do mês de setembro de 2016, a demandante avisou que estava em negociação com um empresário em São Paulo. Ele se propunha a investir na gravação de um CD e um DVD em caráter "solo". E, mesmo tendo sido abonada com 10% do capital social, insistia em abandonar a banda Aviões do Forró de modo absolutamente abrupto, comprometendo, gravemente, todo o planejamento societário. Simplesmente ignorando os inúmeros eventos que já haviam sido contratados entre a empresa e os tomadores de serviços, entes públicos e privados", contou Isaías CD. Recentemente, a cantora afirmou que tentou conversar com os sócios de forma amigável, mas não conseguiu resposta algum. Em desabafo no Instagram, Solange chorou ao revelar o desfecho da história. 



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário