ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Covid-19: Governo recomenda que todos utilizem máscara ao sair de casa

Fique em casa! Boletim divulgado pela Sesau de Brumado mostra que notificações continuam subindo

Vacina contra covid-19 está perto de ser testada em humanos, diz site UOL

Bahia tem 282 casos confirmados de Covid-19 e 63 pessoas curadas

Professora que pediu 'militares na rua' a Bolsonaro é empresária, militante e dá aulas online

'A sociedade não aguenta ficar três meses parada', diz Bolsonaro

Benefício de R$ 600 começa a ser pago na próxima semana, diz Ministro da Cidadania

Coronavírus: Malhada de Pedras instala barreira sanitária na entrada da cidade

Pneumologista da Clínica Mais Vida esclarece dúvidas sobre o Covid-19

Caetité: Funcionária da INB sofre acidente a caminho do trabalho e é levada por UTI aérea

Brumado: Cervejaria doa 382 litros de álcool 70% para Secretaria de Saúde

Secretaria de Saúde registra quinta morte por coronavírus na Bahia

Brumado: Polícia detêm homem que tentou atirar em moradores na zona rural

Brumado: PRE realiza balanço de acidentes do mês de março

Bahia registra quarto óbito pelo novo coronavírus (Covid-19)

Prefeito de Caculé suspende quarentena e através de Decreto autoriza a reabertura do comércio

MP vai evitar candidatos 'turbinados' com verba de fundo partidário

Brumado: Esgoto estourado causa transtornos aos moradores de bairro Dr. Juracy

Brumado: Após recomendações de isolamento social no município, igrejas usam as redes sociais para transmitir celebrações

Sobe para 295 notificações de casos do novo coronavírus em Brumado, informa Sesau


Brumado: Secretaria de Saúde emite Nota de Repúdio após 'fake news' com o nome de médica que atende na UBS do CAIC

Foto: Composição l 97NEWS

Infelizmente, mesmo com campanhas combatendo as "Feke News", as informações falsas são disseminadas rapidamente nas redes sociais. Em Brumado, não tem sido diferente, principalmente quando parte da população permanece em quarentena, e usam o celular quase que diariamente para acessar aplicativos de mensagens e as redes sociais. No meio desse "frenesi digital", algumas pessoas criam as famosas notícias falsas e compartilham na rede. No entanto, ao invés de checar a informação em um site de notícias ou propriamente com a fonte, as pessoas impulsionam a informação que não condiz com a verdade. Esta semana, mais uma fake deixou várias pessoas insatisfeitas e principalmente os profissionais de saúde. É 'Fato' que esta semana uma médica que atende nos municípios de Caetité e Brumado testou positivo para o novo coronavírus. Em Brumado a profissional atendia na Unidade Básica de Saúde Joaquim de Castro Donato, localizada no CAIC -- unidade que inclusive está fechada --. Ela fez o teste, e o exame deu positivo para o Covid-19. Segundo a Secretaria de Saúde, a profissional está bem, e encontra-se em isolamento social na sua residência. Mas o que deixou amigos e profissionais chateados, foi a invasão de privacidade das pessoas para com a médica. Assim que saiu o boletim diário da prefeitura informando o número de casos no município, vários 'posts' foram veiculados nas redes sociais com fotos e informações particulares da profissional. Situação esta que preocupa, porque qualquer um pode ser infectado pelo vírus, seja ele branco, pardo, negro, indígena, ou até mesmo de qualquer denominação religiosa e classe social. 

Foto: Reprodução

A pandemia é uma realidade no mundo. Mas a quem interessa saber quem é o paciente? De que bairro ele é?. Isso não importa, provavelmente, boa parte da população vai pegar o vírus, e muitos vão se curar. A preocupação maior das autoridades de saúde, são os idosos e pessoas com comorbidades, pacientes estes que fazem parte do "grupo de risco". Diante da situação, a Prefeitura Municipal de Brumado, por meio da Secretaria de Saúde (Sesau) do município e do Comitê de Gerenciamento de Crise da Covid-19, manifestou através de Nota, o seu repúdio contra às inúmeras postagens relativas à médica. "A divulgação de fotos e informações totalmente equivocadas não contribuem em nada para a melhoria do momento delicado em que estamos passamos, muito pelo contrário, trazem prejuízos e também atingem à família da profissional que tanto vem contribuindo para que tenhamos uma saúde de qualidade em nosso município", diz a Sesau na nota. De acordo com a Sesau, atitudes como estas são reprovadas, principalmente em momentos de crise. "Queremos reiterar a nossa reprovação dessas atitudes, que aproveitam o anonimato e o universo das redes sociais para expor pessoas a situações de risco, já que não se pode prever o que pode acontecer nesse momento de tensão". Por fim, a Sesau pediu aos brumadenses que não cometem esse tipo de atitude e que, ao invés disso, façam parte da rede de solidariedade e apoio aos mais vulneráveis, pois eles realmente precisam de nós. "Que a humanização seja a referência e que todos se mantenham em suas residências evitando ao máximo a proliferação do coronavírus", finaliza a Secretaria de Saúde de Brumado.



Jussari: Com medo do coronavírus, prefeito manda pintar frase na entrada de cemitério; 'Fica em casa: Não queremos você aqui'

Foto: Reprodução l Rede Social

Temendo que a população da cidade não obedeça o isolamento social, o prefeito do município de Jussari, Antonio Valete (PSD), mandou pintar no muro do cemitério uma frase que a população nunca vai esquecer. O texto: "Fique em casa: Não queremos você aqui", segundo o prefeito serve como uma campanha contra a disseminação do coronavírus (Covid-19). A ação logo ganhou as redes sociais de todo Brasil, e também virou meme na internet. "De forma lúdica mas com uma mensagem séria a prefeitura de Jussari intensifica campanha de prevenção contra o Coronavírus", disse o prefeito.



Rio do Antônio: Após serem difamadas nas redes sociais, alunas desenvolvem projeto 'Empodera Rio' valorizando as mulheres da cidade

Foto: Divulgação

Segundo pesquisa publicada pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) em 2019, 36% dos adolescentes brasileiros afirmaram ter faltado na escola após ter sofrido cyberbullying por colegas de classe. Esse tipo de violência virtual envolve casos de humilhação, perseguição, intimidação, calúnia e difamação via redes sociais, e-mails e aplicativos de mensagens. Após algumas alunas do Colégio Estadual do Rio do Antônio, a 66 km de Brumado, terem sido difamadas por meio de divulgação de vídeo criado por um perfil fake nas redes sociais, estudantes desenvolveram o projeto "Empodera Rio", com o objetivo de criar empatia e valorizar as mulheres da cidade. Ao descobrirem a existência de um perfil na internet e intrigadas com a situação, as alunas refletiram em sala de aula sobre temas como feminicídio, a percepção da mulher como "sexo frágil" e seus direitos. Elas revisaram obras literárias sobre o meio feminino, que mostram a ascensão da mulher e todas as barreiras enfrentadas até os dias de hoje. Para entender um pouco mais sobre o tema, as alunas conversaram com mulheres idosas e perceberam que diversas histórias contadas por elas poderiam contribuir com a sociedade. Com isso, tiveram a ideia de criar uma página no Instagram para propagar o que ouviram e as impressões que ficaram desse primeiro encontro. Depois de postarem as histórias nas redes sociais, as estudantes viram que muitas pessoas de Rio do Antônio demonstraram interesse em saber mais sobre o tema, questionando sobre as narrativas e esperando por novos textos. A iniciativa inclusive foi finalista no Desafio Criativos da Escola de 2019. Elas expandiram seu conteúdo, passaram a falar sobre as mulheres negras, adolescentes, plus size, e também fizeram palestras em escolas e em um evento aberto com stands de beleza, teatro e música. O projeto vem possibilitando reconstruções e quebra de preconceitos. As alunas aprenderam a valorizar quem são e a questionar sobre o que querem para o meio feminino e a vida em sociedade. Desafio Criativos da Escola é um projeto protagonizado por crianças e jovens. Em 2019, a premiação recebeu 1.443 projetos de todos os estados do Brasil. (Saiba mais aqui)



AABB: Dia Mundial da Consciencialização do Autismo

Foto: Divulgação

O Dia Mundial da Consciencialização do Autismo foi estabelecido pela Organização das Nações Unidas (ONU), em 2007, e é mundialmente celebrado a 2 de abril. A data levanta a discussão sobre o que podemos fazer, como sociedade, para trazer independência, igualdade, segurança e qualidade de vida para as crianças autistas e suas famílias. Aproveite o isolamento social para refletir um pouco sobre isso. A Associação Atléitca Banco do Brasil (AABB) de Brumado respeita as diferenças! O autismo é uma dificuldade do desenvolvimento infantil. A ONU estima de uma em cada 150 pessoas sofra desta condição. Não existe uma cura, mas alguns métodos de intervenção psicopedagógica têm tido resultados positivos, em particular no controlo de comportamentos específicos, permitindo uma melhor adaptação das crianças e adultos à vida em sociedade.



Covid-19: Sesab indica uso de máscaras artesanais apesar de não ser garantia de contrair o coronavírus

Foto: Divulgação

A Secretaria da Saúde da Bahia (Sesab) começou a recomendar o uso de máscaras artesanais durante a pandemia do novo coronavírus. Em nota técnica do Comitê Estadual de Emergências em Saúde Pública, o pedido é de que é hora de “fazer dessas máscaras uma parte essencial da nossa luta para conter e derrotar essa pandemia”. O órgão da secretaria de Saúde ressalta que as máscaras que são equipamentos de proteção individuais (EPIs), e  são desenvolvidas no princípio de Peça Facial Filtrante (PFF) para reter os materiais particulados, como névoas, poeiras e fumos presentes no ambiente. Esses são EPIs com diferentes graus de barreira mecânica. “Máscaras artesanais podem ser usadas pela população, sejam elas compradas em lojas ou caseiras – sempre que se esteja em contato com o público. Existem boas razões para acreditar que as máscaras caseiras ajudem muito. Hong Kong, Mongólia, Coréia do Sul e Taiwan, a população vem fazendo uso de máscaras em público”, diz a nota. As máscaras, mesmo artesanais, podem se comportar como uma barreira mecânica, como o uso da dobra do cotovelo ao se espirrar, e assim impedir que gotículas possam infectar outras pessoas. Dessa forma, é recomendado o uso de barreiras mecânicas adicionais como máscaras não-médicas. A nota assinada pelo presidente do Comitê Estadual de Emergências em Saúde Pública Antônio Carlos Albuquerque Bandeira reforça que as recomendações podem ser revistas em razão de publicações e estudos científicos, durante a vigência da pandemia.



Coronavírus: Após reunião com Sesau, presidente da CDL de Brumado diz que 'não é momento para reabertura de comércio'

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

Após reunião com a Secretaria de Saúde (Sesau) do município esta semana, o presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Brumado, Manoel Messias, declarou que não teve uma resposta muito positiva sobre a possível reabertura do comércio local, mesmo com as quase 300 assinaturas em uma petição on-line assinada pelos empresários da cidade. Segundo ele, em resposta há alguns dos seus questionamentos, o secretário de saúde Claudio Feres mostrou que o município ainda não atingiu a curva prevista pelas autoridades de saúde, se referindo aos casos confirmados do novo coronavírus (Covid-19). "Embora muitos queiram a reabertura do comércio, as previsões ainda são de isolamento", ressaltou o presidente da CDL. "Nós ouvimos do secretário que a cidade não teve  ainda o pico da epidemia, então é necessário prudência em isolamento devido ao número de casos e a falta de exames para que se chegue ao número exato de infectados", relata Messias. De acordo com Manoel é preciso diminuir a circulação de pessoas nas ruas, o que segundo ele, não tem acontecido com efetividade em Brumado. "Na semana passada, eu observei que as lotéricas e alguns bancos estavam mantendo a distância entre as pessoas. Mas o cenário de segunda-feira para cá, já foi diferente, os idosos recebendo dinheiro nas lotéricas bem mais próximos uns dos outros. Então isso é preocupante, é isso que o executivo quer evitar", comenta o membro da CDL. De acordo como o presidente da entidade, a reabertura dos estabelecimentos comerciais neste momento, também não seria o recomendado economicamente, porque segundo ele, relatos de empresários do ramo de farmácias e supermercados não são positivos. "Nós temos relatos de vários empresários que o movimento está baixíssimo, então é um motivo para segurarmos, sei que é difícil, sou empresário também, e estou com minha loja fechada, mas comércio a gente vai sentir a dificuldade e eu posso até fechar minha empresa, mas num futuro, eu terei condições de reabri-la e superar a fase. Mas as vidas não", destaca Messias. Por fim o presidente da CDL pede cautela dos empresários. "É um momento em que devemos ter mais cautela e nos prevenir para que a situação não venha a ser diferente e a gente tenha que se manter fechado porque o número de mortes são grandes. Com fé em Deus vamos superar esta situação da melhor maneira possível, sem sacrificar vidas e pessoas do nosso comércio", pede o presidente da CDL, Manoel Messias.



Bahia: Governo do Estado anuncia isenção de conta de energia por 90 dias para pessoas de baixa renda

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

O governo do estado anunciou a isenção de pagamento da conta de energia durante três meses para os baianos com consumo até 80 kilowatt (kW) por mês. O anúncio foi feito na quarta-feira (1º) pelo governador Rui Costa (PT) através de um vídeo publicado no Twitter. “Vamos pagar durante três meses a conta de energia elétrica das pessoas de baixa renda, todo aquele consumidor que hoje consome até 80kw terá sua conta paga pelo governo do estado durante 90 dias. Na quinta envio esse projeto de lei à Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA)”, disse Rui. Na publicação, o governador destaca que 677.524 pessoas serão beneficiadas pela isenção. Os beneficiados terão que estar no Cadastro Único.



Brumado: Superintendente da SMTT pede exoneração do cargo

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

Na última semana, o superintendente de trânsito do município, Castilho Viana, solicitou ao prefeito Eduardo Vasconcelos (PSB) à sua exoneração do cargo da Superintendência Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT) de Brumado. Segundo Viana, seu pedido trata-se de uma decisão pessoal. "Estarei buscando outros desafios em um futuro próximo", disse. Questionado se o mesmo iria se afastar do grupo do atual gestor, Castilho declarou que seu afastamento de um cargo público não reflete nos pensamentos políticos que ele tem com o prefeito municipal. "Meus passos serão discutidos em conjunto com o grupo do prefeito", comentou.



Brumado: Polícia detêm homem de 37 anos que tentou 'martelar' o pai e a mãe no bairro das Flores

Foto: 97NEWS

Mesmo com a pandemia do novo coronavírus (Covid-19), os casos de polícia continuam acontecendo em Brumado. Na última segunda-feira, dia 30 de março, um fato registrado na Delegacia da cidade chamou a atenção pelo "Modus Operandi", no qual o filho tentou agredir seu pai de 60 anos e sua mãe de idade não revelada. Segundo o Boletim de Ocorrência (BO), o filho de 37 anos tentou martelar os genitores, por conta de que o mesmo queria dinheiro para comprar entorpecentes. No relato do pai, por volta das 21 horas, ele e sua esposa dormiam no quarto, momento em que seu filho desorientado, entrou e tentou desferir golpes com um martelo nele e sua esposa. Ainda segundo relatos da vítima, o mesmo conseguiu, juntamente com sua esposa sair do local e procurar ajuda na Delegacia da cidade. Em depoimento ao delegado de plantão, a vítima que mora na Rua Sargento Antenor Santos no bairro da Flores e andou até a sede da 20ª Coorpin, disse ainda que o filho conseguiu levar o seu relógio avaliado em R$ 700. Diante da situação, uma viatura do Pelotão de Emprego Tático Operacional (PETO) foi acionada, e após buscas no bairro, o suspeito foi encontrado na região do Mercado Municipal já sem o relógio -- provavelmente vendido à traficantes. Capturado, o filho foi conduzido a Delegacia de Polícia para que as medidas cabíveis fossem adotadas.



Brumado: Nota técnica da prefeitura determina que Mercado Municipal fique fechado do meio-dia de sábado e domingo

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

A Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) de Brumado divulgou no fim da tarde de quarta-feira (1º) uma Nota Técnica na qual determina que o Mercado Municipal feche suas portas a partir do meio-dia de sábados, devendo permanecer fechado durante o restante do final de semana, reabrindo-se, normalmente, às segundas-feiras. A medida leva em consideração que, nos dias de isolamento social determinados, não houve fluxo significativo no local. "No final de semana, deverá ser evitada a circulação interna de transeuntes, os quais muitas vezes não estão lá para adquirir alimentos", diz a nota técnica. Já no decorrer da semana, o Mercado abrirá normalmente.



Brumado: Sindicato dos Bancários cobra medidas contra contaminação nas filas das agências

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

Na quarta-feira (1°), o Sindicato dos Bancários enviou ao poder público de Vitória da Conquista, Brumado, Itapetinga, Livramento de Nossa Senhora e Poções um novo ofício cobrando medidas de enfrentamento à aglomeração de pessoas nas agências bancárias da região. No documento, a diretoria reitera que se os órgãos responsáveis não garantirem, conforme as recomendações do Ministério da Saúde, uma distância de, no mínimo, dois metros na fila -- caso os clientes não tenham máscara -- ou de um metro -- se estiverem usando --, o risco de contaminação é altíssimo. Nos cinco municípios citados, conforme salientou, enormes filas continuam se formando nas unidades bancárias, já que as medidas de fechamento parcial do comércio não incluíram os bancos. No último dia 23 de março, o sindicato já havia encaminhado ofícios às prefeituras solicitando providências que evitassem a aglutinação de pessoas nos bancos, mas não obteve resposta.



Estado de 'Calamidade Pública' pode aumentar o desvio de verbas em prefeituras da Bahia

Foto: Composição l 97NEWS

O estado de "Calamidade Pública" decretada por 20 municípios da Bahia gerou uma discussão na quarta-feira (1º) pelos deputados baianos. Segundo os legisladores do Estado, a grande preocupação é que, mesmo que algumas das cidades não tenham um único caso confirmado do novo coronavírus, o risco desse “cheque em branco” lesar os cofres públicos é grande. As informações são do site Bahia Notícias. Ainda segundo os deputados que se reuniram por vídeo conferencia nesta quarta, com o estado de calamidade reconhecido, gestores deixam de ter a obrigação de cumprir a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), e o desafio será manter a tranquilidade, quando é sabido que muitos políticos não possuem interesses republicanos quando se trata de dilapidar os cofres públicos. No entendimento de alguns deputados, caberia ao Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) averiguar a execução do orçamento durante a crise. Não está completamente errado. Porém, em meio a um cenário de guerra como o esperado, é improvável que os técnicos do órgão auxiliar da Assembleia deem conta de fiscalizar minuciosamente. Por isso o papel do cidadão será fundamental nesse processo. E o da imprensa também. Lembremo-nos que 2020 ainda é ano de eleição para prefeitos e vereadores e que a campanha pode não ter recursos para financiamento, diante da perspectiva real do uso do fundo eleitoral para o combate à Covid-19. Então, a atenção tem que ficar redobrada, para evitar que o uso indiscriminado dos recursos, com base nesse “cheque em branco”, seja muito mais eleitoreiro do que humanitário.



Brumado: Em falta nos postos de saúde, novos lotes da vacina H1N1 deve chegar esta semana

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

A campanha nacional de vacinação contra a gripe teve início na última semana, em todo país. Nessa primeira etapa, estão sendo vacinados os idosos e os profissionais de saúde. Em Brumado, a vacina acabou rapidamente e muitos idosos não foram imunizados. Segundo o secretário municipal de saúde, Cláudio Feres, o quantitativo enviado pelo Ministério da Saúde não foi suficiente para atender todo público alvo e a Administração aguarda a chegada de um novo lote de vacinas para retomar a campanha na cidade. “A previsão é que chegue a partir do dia 1º, mas não é nada certo, apenas uma previsão", disse Feres. Já a coordenadora técnica do Núcleo Regional de Saúde do Sudoeste, Caroline Rebouças, destacou que o munic´[ipio não havia recebido os 100% do quantitativo das vacinas. “A Base de Brumado, representando os treze municípios da região, já recebeu mais de 20 mil doses das vacinas. Inicialmente, essas vacinas devem ser destinadas aos idosos e profissionais da saúde, que são prioridade nesse momento”, disse a coordenadora que ainda completou dizendo que “até o momento, Brumado recebeu 5.220 doses. Cada município realizou a sua própria estrutura e logística diante da pandemia”, afirmou. 



Brumado: Sobe para 5 os casos confirmados do novo coronavírus; notificações chegam a 269

Foto: Divulgação

Em novo boletim divulgado no fim da tarde desta quarta-feira (1º), a Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) de Brumado confirmou que os números de casos confirmados do Covid-19 chegam a cinco na Capital do Minério. Ainda segundo o boletim da Sesau, as notificações também subiram, sendo registrados 269 casos suspeitos do Covid-19. O númro de casos descartados também subiu para 7. De acordo com a Sesau, 11 deles aguardam resultados do Lacen de Salvador. O primeiro caso confirmado foi registrado em uma mulher de 35 anos, que fez um voo de Belo Horizonte a Vitória da Conquista. O segundo paciente é uma criança com idade não revelada. A terceira paciente, é uma médica que atende nos municípios de Brumado e Caetité. Já os dois últimos pacientes que deram positivo para o novo coronavírus, a Secretaria de Saúde não deu detalhes de idade e sexo. Na Bahia, já são 246 casos confirmados do novo coronavírus. O número de casos confirmados representa 3,8% do total de casos notificados. Até o momento, 1.763 casos foram descartados e houve dois óbitos, ambos de pessoas residentes em Salvador que apresentavam comorbidades associadas. 



Aumento abusivo de álcool em gel é a principal queixa recebida pelo MP-BA

Foto: Luciano Santos l 97News

O Ministério Público da Bahia (MP-BA) recebeu 54 notícias de fato relacionadas ao novo coronavírus entre os dias 13 e 27 de março, quase 46% do total das 118 recebidas no período. A maioria das reclamações são de aumento abusivo de preços de produtos de prevenção, como o álcool em gel. Nesse período de situação de emergência devido à pandemia da Covid-19, o Centro está operando em regime de teletrabalho, dando continuidade à distribuição para as Promotorias de Justiça das demandas da sociedade quanto ao direito do consumidor, com ênfase em ações de combate à disseminação do vírus no Estado. Das 118 notícias recebidas, 89 já foram distribuídas e encaminhadas para a realização das medidas cabíveis pelas Promotorias de Justiça. O Centro também expediu modelos de recomendações para a realização pelos promotores de Justiça das necessárias orientações aos Municípios e aos órgãos de fiscalização estadual e municipais quanto ao aumento abusivo de preços, ao abastecimento de produtos de primeira necessidade e à suspensão de cortes de água e luz no período de emergência, mesmo dos consumidores inadimplentes.



Rui Costa diz que bancos precisam 'coçar o bolso' nesta crise de pandepandemia mia

Foto: Reprodução

De acordo com ele, as instituições bancárias precisam investir na segurança dos funcionários e dos clientes, comprando álcool em gel e máscaras para todos, durante a crise provocada pelo avanço do coronavírus em todo o país. “Os bancos têm que coçar o bolso nesse momento, têm que ser solidários. Podem e devem comprar máscaras para todos os seus funcionários, podem e devem disponibilizar máscaras higienizadas pra todo mundo que precise entrar no banco, podem e devem colocar álcool em gel pras pessoas passarem na mão, podem e devem comprar pistola pra medir a temperatura de todo mundo que vai entrar na agência”, sugeriu Rui durante o Papo Correria desta quarta-feira (1º). O governador ainda pediu que as filas que se formam do lado de fora das agências sejam organizadas por um funcionário do próprio banco. “Ao invés de terem as agências cheias, é melhor que os bancos contratem funcionários pra organizar a fila do lado de fora, garantindo um espaço, uma distancia de dois metros de uma pessoa pra outra”, falou.



Brumado: Mesmo fazendo parte do 'grupo de risco', idosos frequentam agências bancárias e lotéricas

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

Desde o início da pandemia do Covid-19, muito tem se falado e recomendado para que as pessoas que são do "grupo de risco" permaneçam em casa. Essas pessoas com maiores chances de contaminação com o coronavírus são: Portadores de doenças crônicas (diabetes e hipertensão), asma e indivíduos acima de 60 anos. Além da idade, todas essas pessoas que possuem comorbidades, são os mais propensos a ter complicações e morrer de coronavírus. Na manhã desta quarta-feira (1º), o 97NEWS registrou dezenas de idosos frequentando as agências bancárias e casas lotéricas de Brumado. Algumas inclusive sem a proteção, que seria luvas e máscaras. Em nota, a Federação Brasileira de Bancos (Febraban) pede que a ida aos bancos seja feita apenas por grupos mais vulneráveis ao coronavírus, como aposentados e pensionistas. A recomendação para os demais é para que os serviços bancários sejam feitos via internet e pelos aplicativos de celular. "Por meio do celular e internet, os usuários podem fazer, com segurança, pagamento de contas, consulta de saldos e extratos, transferências financeiras, agendamento de pagamentos e contratação de serviços e empréstimos, entre outros. Nos aplicativos e Internet Banking, os clientes poderão encontrar ferramentas úteis para todas as necessidades, além de ter acesso a comunicados e canais de atendimento", diz a Febraban. 

Sistema da Caixa lento - Foto: Luciano Santos l 97NEWS

Com menos fluxo de pessoas nas agências, a ideia é garantir agilidade e segurança no atendimento aos grupos de maior risco e aos bancários, evitando a disseminação de covid-19. Por recomendação do Banco Central os bancos alteraram o tempo de funcionamento. No entanto, os brumadenses ainda se arriscam nas enormes filas. Em uma agência bancária da Rua Coronel Tibério Meira, no horário das 09h às 15h, era possível ver uma funcionária orientando os clientes a ficarem do lado de fora da agência e mantendo uma distância de até 1 metro e meio, mas após este horário, a nossa equipe não viu mais ninguém no local, e a sala onde os caixas eletrônicos ficam lotadas de pessoas na tentativa de sacar valores ou pagar as contas. Ainda nesta mesma agências, tentamos realizar pagamentos de boletos, mas com o sistema lento, os caixas não funcionavam perfeitamente. Alguns clientes tiveram que esperar por até 30 minutos para o sistema retornar. Tentamos falar com a gerencia do estabelecimento, mas não conseguimos. 



Brumado: Com quase 300 assinaturas, empresários enviam petição a prefeito municipal solicitando reabertura do comércio

Foto: Reprodução l Petição on-line

Após o Decreto Municipal (Nº 5.246), que determina o fechamento temporário do comércio em Brumado entre os dias 21 de março e 18 de abril, como medidas de contenção ao coronavírus (Covid-19), como já foi publicado pelo 97NEWS no último sábado, dia 28 de março, um grupo de empresários considerando os desdobramentos da crise econômica com a pandemia, afirmando que a categoria precisam trabalhar, pedem a reabertura do comércio local. Segundo eles, essa reabertura seria respeitando as medidas de segurança comendadas pelas autoridades de saúde. “Já encaminhamos ao prefeito Eduardo Vasconcelos a petição com as assinaturas e, pedi para que faça uma reunião com os empresários que estão com seus comércios fechados. Caso ele aceite, vamos colocar nossa posição quanto aos cuidados que teremos como medida de proteção aos clientes e tomara que seja favorável a nós", assina empresários de Brumado. (Veja)



Brumado: Risco de contaminação com o Covid-19 pode ser ainda maior em transportes não regulamentados

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

Mesmo com a proibição do transporte regulamentar entre as cidades, o transporte clandestino continua suas atividades em Brumado e algumas cidades da região. Com a pandemia, vans e carros irregulares são vistos com mais frequência nas ruas e rodovias dos municípios. Ao contrário do que tem sido feito nos ônibus coletivos, que mantém uma rotina de higienização rigorosa para prevenir o coronavírus, as vans não adotaram qualquer medida de higienização, colocando em risco os passageiros e toda a população. Segundo as autoridades policiais, neste momento é necessário conscientizar a população e garantir o combate ao transporte irregular pelas Polícias Militar e Rodoviária. A reportagem do 97NEWS flagrou vans transportando em média 20 pessoas em cada veículo. Para as autoridades, "determinadas ações, a própria população tem que se conscientizar”, ou seja, evitar o transporte irregular. Na Avenida Centenário, local de maior concentração de "vanzeiros", é comum ver os veículos transportando dezenas de passageiros para a zona rural e outros municípios da região. 



Auxílio emergencial de R$ 600 ainda precisa ser regulamentado pelo Governo Federal

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

O auxílio emergencial de R$ 600, apelidado de “Coronavoucher”, foi aprovado pelo Plenário do Senado Federal na segunda-feira (30) após aprovação na semana passada pela Câmara dos Deputados. O valor será destinado a trabalhadores informais de baixa renda durante a pandemia do novo coronavírus. A princípio, o pagamento será feito por três meses, mas poderá ser prorrogado, caso os efeitos da pandemia perdurem por mais tempo. Serão beneficiados os cidadãos maiores de idade sem emprego formal, mas que estão na condição de trabalhadores informais, microempreendedores individuais (MEI) ou contribuintes da Previdência Social. Também é necessário ter renda familiar mensal inferior a meio salário mínimo per capita ou três salários mínimos no total e não ser beneficiário de outros programas sociais ou do seguro-desemprego. O texto aprovado prevê a concessão do auxílio emergencial de R$ 600, sendo limitado a dois membros, de modo que cada grupo familiar poderá receber até R$ 1.200. No caso de “mães solteiras”, o benefício será de R$ 1.200. É importante ressaltar que ninguém deve procurar os bancos por enquanto para obter informações sobre o auxílio emergencial, uma vez que o pagamento precisa ainda ser regulamentado pelo Governo Federal. A ida às agências neste momento só irá piorar o quadro de aglomeração de pessoas nestes locais.