ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Construção de sede da Unidade do Corpo de Bombeiros em Brumado aguarda liberação do Grupamento de Bombeiros de Vitória da Conquista

Conquista: Aeroporto Glauber Rocha marca nova fase no turismo de negócios

Brumadense que pesava 140 kg, perdeu 50 kg com exercícios e dedicação

Morro do Chapéu: Caçador mata jiboia de 3 metros em e encontra veado na barriga

Brumado: Secretário diz que ponte entre os bairros Dr. Juracy e São Jorge tem previsão de entrega para três meses

Brumado: Justiça Estadual realizará leilão de imóveis e veículos no dia 25 de julho

Líder de grupo terrorista revela plano para matar Presidente da República, diz revista

Homem arranca órgão genital do amante da esposa com tesoura após flagrar traição

Reumatologia é na Clínica Master com Dr. Kayson Lima

Brumado: Escritor José Walter lança mais dois livros; 'Bissextas' e 'Cartas Trocadas'

Inusitado: Motorista abandona carro após ser parado em blitz na Praça da Prefeitura, em Brumado

Aeroporto Glauber Rocha: Presidente Bolsonaro rebate; 'Dinheiro é do povo, não meu, nem de Rui Costa'

Animal solto na pista causa acidente e deixa motociclista ferida no anel viário da BR-030, em Brumado


Brumado: Sindicato diz que empresa contratada por prefeitura para privatizar os serviços de água e esgoto responde por fraudes em licitações

Foto: Reprodução

Neste fim de semana o diretor do Sindicato dos Trabalhadores em Água, Esgoto e Meio Ambiente no Estado da Bahia (Sindae), Erick Vinícius Félix Maia, soltou vários posts nas redes sociais relatando que a empresa mineira contratada pela prefeitura de Brumado para privatizar os serviços de água e esgoto, a Prefisan, responde por fraudes em licitações e diversas irregularidades. A polêmica da privatização do saneamento básico na Capital do Minério começou no fim de 2018, quando o prefeito Eduardo Vasconcelos, contratou a empresa Prefisan Ltda para realizar o plano municipal de saneamento e apresentar uma proposta de manifestação de interesse para entregar a iniciativa privada. Segundo o projeto, a nova empresa que assumir, poderá explorar pelos serviços em Brumado por trinta anos. Mas de acordo com o diretor, a empresa responde por diversas irregularidades no estado de Minas Gerais, inclusive na operação "Mar de Lama", movida pelo Ministério Público Federal (MPF) em 2017. Ainda segundo o sindicalista, a Prefisan é acusada ainda de assediar prefeitos no interior da Bahia. "No município de Caravelas e Prado por exemplo, as prefeituras defendiam o processo de licitação, alegando da mesma forma que o prefeito de Brumado, que várias empresas poderiam se habilitar e ofertar uma melhor proposta de tarifa e investimentos. Lá como em Brumado, foi a Prefisan que tinha feito o plano. Conclusão, apenas uma empresa apareceu para disputar. Sabe quem? A Prefisan, através de uma empresa chamada Sociene, que é sócia da Prefisan", disse na postagem Erick Maia. Que ainda completou dizendo no qual o processo de licitação do saneamento em Brumado não passa de um projeto obscuro. Em outro post, Erick Maia diz que a privatização do esgoto no Brasil, é um conto do vigário. De acordo com ele, as empresas privadas nunca entregam o que prometem, além disso, as tarifas sofrem reajustes de até 80% só no primeiro ano de concessão. "Com a privatização, além dos custos dos serviços que atualmente você paga, será embutido o lucro do empresário, e todos os postos de serviços que eles prometem sairão do seu bolso", relatou. No vídeo, o diretor diz ainda que com o fim do contrato com a Embasa, a prefeitura terá que indeniza-la imediatamente em R$ 40 milhões, que segundo Erick, o dinheiro sairá dos cofres público. "Será uma judicialização sem fim, onde a população será a maior prejudicada", afirmou o diretor do Sindae. 



Comentários

  • Jacson Correia Pereira

    "A privatização do saneamento básico em Brumado é a sede do gestor municipal. Convenhamos, o ano que vem tem eleições... Se a conta de água aumentar absurdos o povo de Brumado saberá dá o troco tanto ao executivo quanto ao legislativo. Tomara !!!! "

Deixe seu comentário