ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Carreta de empresa brumadense carregada com cimento tomba na região de Caetité

Menina de sete anos morre após ser atingida por caixa de som em festa

Brumado: Agentes de trânsito e populares salvam criança de 5 anos esquecida em carro no estacionamento do Mercado

Parceria entre TCE e Abin visa apurar irregularidades com recurso público na Bahia

Brumado: Prefeitura realiza assinatura da ordem de serviços para modernização do Campo da Vila Presidente Vargas no valor de R$ 250 mil

Brumado: Moradora denuncia lixo jogado fora de horário por vizinhos no bairro Santa Tereza

Clínica Master: Ecocardiograma

Brumado: Homem passa mal no Mercado Municipal após beber cachaça e morre

Em defesa da democracia e contra a reforma da previdência, Waldenor e Zé Raimundo realizam Plenária em Vitória da Conquista

Brumado: Agricultores brumadenses buscam cada vez mais o recurso 'usucapião'

Brumado: Projeto Cineclube abre caminhos para alunos aprenderem sobre produção audiovisual

Bahia: Pró-semiárido promove capacitação em associativismo na cidade de Umburanas

Ministério Público baiano pede remoção de vídeos com Desafio do Momo que ensina crianças a suicidarem

Bahia: Adutora rompe e quatro casas são atingidas por 'mar de lama'

Adolescente é resgatado por PMs pouco antes de ser morto por suspeitos de tráfico

Falso médico é preso por usar nome de profissional verdadeiro na Bahia

Brumado: Casal fica ferido após colisão entre carro e moto na Av. João Paulo I

Brumado: Pino de segurança de peça hidráulica se solta de caminhão da EPCL e destrói carro no centro

Carro capota após motorista desviar de buraco na Av. Cleóbulo Meira, em Brumado

Embasa liderou ranking de reclamações dos consumidores em 2018 na Bahia


Nova Zelândia: Ataques a duas mesquitas deixam mais de 40 de mortos

Foto: Reprodução l Mark Baker/AP

Ataques a tiros simultâneos contra duas mesquitas na cidade de Christchurch, na ilha sul da Nova Zelândia, deixaram 49 mortos e 48 feridos nesta sexta-feira (15). Os alvos dos ataques foram as mesquitas de Masjid Al Noor, ao lado do Parque Hagley, e de Linwood, que estava lotada com mais de 300 pessoas, reunidas para as tradicionais orações do meio-dia de sexta-feira. Os detidos são três homens (um deles seria australiano) e uma mulher. Segundo o G1, a polícia local informou, porém, que não está descartada a hipótese de que outros criminosos estejam envolvidos e foragidos. Nenhum dos suspeitos sob custódia estava em listas de observação da polícia. Dos 49 mortos, 48 morreram no local e apenas um chegou a ser socorrido com vida, mas não resistiu. Entre os feridos, há crianças e adultos. O governo informou que 12 dos feridos estão em estado grave e precisaram passar por cirurgias. A dinâmica dos atiradores ainda não está clara. Porém, o primeiro relato de ataque foi na mesquita de Al Noor, na região central da cidade. Um homem com um rifle automático invadiu o prédio 10 minutos após o início das orações, que começaram às 13h30 desta sexta-feira (por volta das 22h30 no horário de Brasília). Quarenta e uma pessoas morreram no local. Com uma câmera instalada em um capacete, o criminoso conseguiu transmitir o massacre, ao vivo, pelo Facebook. O vídeo mostra que ele atirou indiscriminadamente contra homens, mulheres e crianças enquanto caminhava. Conforme o G1, depois dos ataques, os policiais também esvaziaram a Cathedral Square, onde um grupo de estudantes realizava uma manifestação pedindo ações contra o aquecimento global. As pessoas que moram e trabalham na região foram orientadas a permanecer dentro dos prédios e não circular pelas ruas. Todas as escolas de Christchurch foram fechadas, e os pais de cerca de 750 alunos, entre crianças e adolescentes, receberam mensagens avisando que seus filhos estavam em segurança. Várias estradas da cidade foram fechadas e seguem em monitoramento. A polícia orientou para que todas as mesquitas do país fechassem suas portas até novo aviso.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário