ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Assinatura para construção do Porto Sul em Ilhéus poderá gerar novos empregos em Brumado e região

Inovare Odontologia e Saúde: Um novo conceito em Brumado

Conta de luz vai subir com alta de até 50% no valor das bandeiras tarifárias

Projeto Parceiros da Alfabetização é desenvolvido por educadora Daniela Dias na cidade de Tanhaçu

Solidariedade: Brumadenses dão um show e campanha para a garota Naiara arrecada cerca de R$ 11 mil

Caso a regra passe a valer, eleições de 2020 serão canceladas e prefeito Eduardo Vasconcelos terá seu mandato alongado até 2022

Após assassinar ex, homem invade igreja e mata mais três

Colisão entre duas motocicletas deixa dois feridos na BA-148, em Brumado

Brumado: 1ª Promotoria de Justiça solicita aos idosos que tiveram o direito de passagens negado pela Viação Novo Horizonte compareçam ao MP

Brumado: 22 de maio, 2 anos sem o radialista 'Maluco do Veneno'

Enterro de PM lotado na 34ª CIPM é marcado por várias homenagens em Brumado

Em greve há 43 dias, professores da Uneb decidem manter paralisação

Wi-Fi para todos: A conectividade sem fio chegou a Viação Catarino

Sem papas na língua: Faustão anuncia fim do 'Domingão' em 2022 e tem contrato milionário revelado

Brumado: Cejusc ministra palestra para os assistidos do CRAS Yolanda Pires

Brumado: Prefeitura Municipal realizará leilão de equipamentos, veículos e outros bens

Lavrador de 51 anos tem pedra de 1,3 Kg e 18 cm retirada da bexiga durante cirurgia na Bahia

Governador defende discussão sobre cobrança de mensalidade em universidades públicas da Bahia

Operação da PF prende grupo que fornecia drogas para Bahia e Espirito Santo

Brumado: Homicídio é registrado no bairro Dr. Juracy na manhã desta terça (21)


Gari tem dedo cortado durante coleta de lixo em Brumado; três acidentes foram registrados esse ano

Foto: Divulgação

Um gari da empresa Lig Lixo que presta serviços para a prefeitura se feriu durante uma coleta de lixo, esta semana, em Brumado. De acordo com a empresa, o rapaz de 35 anos cortou o dedo em um vidro que estava dentro de uma sacola de lixo comum. No momento do acidente, o gari usava luvas e mesmo assim o material atingiu o dedo. Só esse ano foram registrados três acidentes envolvendo coletores de lixo em caminhões. O primeiro foi no início do ano, onde um gari cortou a perna ao manusear a sacola também com cacos de vidro. O segundo caso aconteceu no dia 23 de janeiro, onde o mesmo gari, Alexandre França Alves, de 38, perfurou a perna com uma agulha se seringa. “Sempre que acontece acidentes, o funcionário é levado para o hospital, passa por uma avaliação médica e recebe as vacinas indicadas para evitar doenças. Infelizmente, é comum este tipo de acidente, porque os cacos, seringas, espetinhos de carne não são bem-acondicionados. Como o gari tem de pegar firme nas sacolas, já que ele puxa mais de uma, geralmente, o ferimento acontece neste momento da pressão”, explicou o coordenador da empresa. “Neste segundo caso, conseguimos identificar o dono do lixo pelo local que a sacola estava. A família foi orientada para o descarte correto. Mas há casos de vizinhos que dividem lixeiras, ou de lixeira coletiva, que não é possível identificar o morador", detalhou. No serviço de varreção, não é comum registro de acidente. 



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário