ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Brumado: Polícia Civil prende autores que matou Daiane de Jesus a pedradas

Brumado: Paciente natural de Ituaçu que testou positivo para coronavírus é transferida para Conquista

Brumado: Vídeo de Larissa Emanuelle antes do incêndio que tirou sua vida emociona internautas

Beto Bonelly é Show transmite ao vivo no Youtube e faz história em Brumado

Bahia tem 15.963 casos confirmados de Covid-19

RHI Magnesita apoia campanha 'Máscara Para Todos' na Bahia

Quase 26 mil mortes por coronavírus é registrada no Brasil; 411.821 casos foram confirmados

Nutricionista Maiana Chaves esclarece o que são os probióticos, pré-bióticos e simbióticos

Agência da Caixa volta a abrir neste sábado em Brumado

Bebê é resgatado por Graer após capotamento de veículo em rodovia

Urandi: Município decreta 'toque de recolher' e medida já está valendo

Recebendo auxílio emergencial? Em 2021 você pode ter que devolver

Brumado: Sobe para 24 os casos positivos de Coronavírus; Notificações chegam a 1000

Bahia: MP aciona instituições de ensino superior e solicita redução de 30% nas mensalidades durante pandemia

Proibição de transporte intermunicipal pelo Estado não se aplica ao deslocamento rural em Brumado

Revoltante: Avô é preso suspeito de abusar sexualmente da neta de 1 ano

Brumado: Dor e comoção marcam enterro da pequena Larissa Emanuelle de 9 anos morta em incêndio na zona rural

Fábrica da Azaleia vai demitir 600 funcionários em razão do novo Coronavírus em Itapetinga

Sob pressão da crise do coronavírus, bancos cortam juros do cartão de crédito

RHI Magnesita: Usar máscara é questão de responsabilidade


Modera participa da elaboração do Plano de Recursos Hídricos da Bacia do Contas

(Foto: Divulgação)

Em cumprimento ao cronograma previamente estabelecido, foi realizada na Cidade de Brumado, no último dia 07 de dezembro, a Consulta Pública para elaboração do Plano de Recursos Hídricos da Bacia Hidrográfica do Rio das Contas - PRHRC e da Proposta de Enquadramento dos seus Corpos D’Água - PERC, sob coordenação do Governo do Estado da Bahia, por meio do INEMA, do Comitê do Contas e do Consórcio Águas da Bahia. A Consulta Pública trata-se de um dos eventos de participação social para elaborar o PRHRC e o PERC, sendo que em Brumado foi realizada a terceira da I Rodada de Consultas Públicas, depois de Barra da Estiva e Anagé. Essa Rodada deverá ser concluída com as Consultas de Jequié e Itacaré. O PRHRC e o PERC são instrumentos da Política Estadual de Recursos Hídricos do Estado da Bahia e para que sejam construídos é necessária a participação do poder público, sociedade civil, usuários de água e demais segmentos interessados na gestão dos recursos hídricos. O PRHRC tem o objetivo de garantir a disponibilidade, proteção, conservação, recuperação e o aproveitamento sustentável das águas de uma bacia hidrográfica. A Consulta Pública em Brumado consistiu na apresentação do diagnóstico e do prognóstico da Bacia do Rio das Contas pelo Hidrólogo Luís Gustavo de Moura Reis, do Consórcio Águas da Bahia, seguida por questionamentos e sugestões dos representantes da sociedade civil e dos usuários de água.

 

Em suas participações, os Coordenadores do MODERA, Capitão Henrique Moreira Rocha e o Professor Jorge Valério Gomes, alertaram para o processo de desertificação no Semiárido, onde 70% da área da Bacia do Contas está inserida. Também, sugeriram que o PRHRC contemple ações de revegetação das matas ciliares e os balanços hídricos periódicos na Sub-Bacia do Alto Contas, a fim de avaliar a quantidade de uso da água para a agricultura irrigada e o abastecimento humano. Na oportunidade, abordaram também a crise de abastecimento em Brumado no período de 1998 a 1999, que levou à transposição das águas da Sub-Bacia do Alto Contas para a do Antônio, a partir da Barragem de Cristalândia, representando uma redenção para a Cidade de Brumado. Entretanto, salientaram que essa redenção vem sendo ameaçada pela expansão do agronegócio na Sub-Bacia do Alto Contas. Em reação a isso, informaram que o MODERA buscou apoio da Maçonaria, a qual conseguiu do Governo do Estado da Bahia, a Nota Técnica 01/2016, da EMBASA, que considera a implantação de uma nova barragem no alto do Rio das Contas, um impacto para os níveis de recarga da Barragem de Cristalândia. Segundo os Coordenadores, o MODERA propôs ao Comitê do Contas, uma representação contra o INEMA no Ministério Público, em razão da sua Portaria 10.268, que ignorou a Deliberação Nº 19/2014, do Comitê, referente aos projetos das barragens do agronegócio no Município de Piatã, onde está localizada a nascente do Rio das Contas. A proposta foi aprovada pelo Comitê, que protocolou a representação na Promotoria de Seabra e está aguardando as providências cabíveis.

 



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário