ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Prefeitura de Brumado realizou mutirão de combate a criadouros do Aedes aegypti

Brumado: Homem é preso em flagrante por ameaçar de morte ex-companheira

Brumado: Projeto de Lei do Executivo que aumenta o IPTU deve criar nova polêmica no fechamento das cortinas políticas em 2018

Homem é preso por cultivar pés de maconha em casa em Livramento de Nossa Senhora

BA-262: Jovem morre em grave acidente próximo a Coaraci

Delegados desistem de entregar cargos e aguardam negociações com o governador Rui

Prêmio da Mega-Sena acumula e deve chegar a R$ 48 milhões

Caetité: Homem fica ferido após colidir em traseira de caminhão na BR-030

Casos de câncer infantojuvenil aumentam 30% na Bahia em dez anos

Café da Manhã: Uma variedade de delícias com uma qualidade inigualável você só encontra na Padaria Divina

Eduardo Bolsonaro quer implantar pena de morte para crimes hediondos e traficantes

Barra do Choça: Grave acidente na tarde deste sábado (15)

Homem invade quartel da PM, esfaqueia sargento e é baleado por soldado

Possível ponto de venda de entorpecentes na Vila Presidente Vargas é objeto de ação policial

Brumado: Abastecimento de água será interrompido na terça-feira (18)

Milagres: Carga de cigarros avaliada em quase R$ 3 milhões é apreendida

Conquistense está entre as vítimas que foram abusadas por 'João de Deus'; MP-GO pediu prisão do médium

‘Governo parece que ficou com raiva da Educação’, diz sindicalista após projeto de corte

Brumado: Eleita a nova mesa diretora do Poder Legislativo para o biênio 2019/2020

Livramento: Tio é esfaqueado pelo sobrinho após forte discussão


Justiça de Brumado julga procedente Mandado de Segurança e determina a convocação no prazo de 48h do suplente de vereador Girsom Ledo

O suplente de vereador Girsom Ledo também comemorou a decisão judicial (Foto: Luciano Santos | 97NEWS)

Impetrado pelo suplente de vereador do PSDB de Brumado, Girsom Ledo, o advogado Ulisses Souza ficou muito satisfeito com a sentença proferida pela juíza de Direito da Comarca de Brumado, Adriana Pastorele da Silva Quirino Couto, a qual julgou procedente o Mandado de Segurança, com pedido de tutela antecipada, impetrado pelo vereador tucano, o qual, inclusive foi recentemente empossado no lugar do titular da cadeira, o vereador Dudu Vasconcelos que está de licença médica desde agosto. Segundo a argumentação apresentada “esgotados estes pontos, insta salientar que o direito subjetivo próprio do impetrante, ou seja, a proteção de direito pessoal, e não de mero interesse se mostra no fato de o impetrante ter sido eleito como suplente e haver hipótese que enseja a sua convocação. Ademais, há objeto determinado, pois não se pleiteia reparação econômica, mas sim o exercício de um direito líquido e certo”. E no final decidiu que “pelo exposto, considerando o que dos autos consta, julgo procedente o pedido deduzido pela via do mandamus e Concedo a Segurança pleiteada, determinando à autoridade impetrada que convoque o impetrante, no prazo de 48 horas, para ocupar o cargo de vereador, vago devido à licença do titular, com fundamento no Art. 48 da Lei Orgânica do Município de Brumado – BA e dos Arts. 76 e 77 do Regimento Interno do Poder Legislativo correspondente”. Diante disso buscamos contato com o presidente da Câmara de Vereadores de Brumado, vereador Leonardo Vasconcelos que afirmou que “ainda não fomos comunicados e notificados da decisão, então ainda não podemos dizer quais as ações que serão tomadas”.  Confira a decisão na íntegra (clique). 



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário