ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Brumado: Prefeitura retoma obra parada há meses e inicia pavimentação de acesso a rua Padre Cícero

Brumado: Polícia Civil garante que as investigações sobre os homicídios ocorridos nesta segunda-feira (17) estão avançando

Sul da Bahia: PRF apreende mais de 200 animais silvestres escondidos em veículo

Brumado: Núcleo Regional de Saúde deverá ser inaugurado até o final do ano

Parceria entre TCE e CREA fortalece a fiscalização de obras e serviços públicos

Bahia completa dois meses sem explosões a banco e redução sobe de 26% para 31%

Ameaça de morte e recuperação de motocicleta com chassi adulterado na Comunidade do Tamboril

Livramento: Forte cerco policial é montado na busca de capturar integrantes do bando que explodiu carro forte na BR -116

Brumado e os paradoxos da violência

Brumado: Drogas apreendidas pela PRE chegam a quase meio milhão de reais

Nefrologia é no Centro Médico São Gabriel com Dra. Rita de Cássia

Sudoeste baiano: Segurança morre e outro fica ferido em ataque a carro-forte na BR-116

Brumado: Em noite sangrenta, encapuzados matam mãe no lugar do filho

Tanhaçu: PRE apreende quase meia tonelada de drogas na BA-026

Brumado: Mototaxista é morto com vários tiros no bairro do Mercado; uma mulher também foi atingida na perna

Liberação do trecho da nova ponte do São Félix acontecerá até o final do ano, garante secretário André Cardoso

Intermunicipal 2018: Mesmo com empate de 0x0 contra Paratinga, Brumado se classifica para a 2ª rodada

Brumado: Fábrica de Vassouras no Campo Seco deve produzir mil exemplares ao mês

Anatel começa domingo processo de bloqueios de celulares irregulares

A descoberta de uma fraude em pesquisa sobre autismo


Brumado: Categoria se mostra contraria a implantação dos taxímetros; ‘vai acabar de vez com nosso trabalho’, afirmam os taxistas

A grande maioria dos taxistas de Brumado se mostra contra a implantação dos taxímetros (Foto: Luciano Santos | 97NEWS)

A modernidade, muitas vezes, não é bem vinda ao primeiro momento, já que o impacto absorvido com a mudança pode ser negativo, mas, com o tempo as coisas vão se equalizando e se tornando realidade. Em Brumado algumas situações aconteceram dessa forma como pasteurização do leite e a implantação do frigorífico, que, no princípio, foram avaliadas de forma negativa, mas, com o decorrer do tempo, se mostrou a mudança foi positiva. Agora uma nova mudança está prestes a acontecer, a qual quebrará o paradigma histórico dos táxis na cidade, que sempre correram a praça sem o uso do taxímetro, que é um dispositivo que registra o preço a ser pago pelo percurso e/ou pelo tempo em que este esteve ocupado. O 97NEWS já havia relatado o processo de implantação que, agora, está em vias de ser operacionalizado. Entramos em contato com vários taxistas e, a maioria deles, se mostrou contrária à instalação dos taxímetros. Segundo Leomedino Gomes Coqueiro (57), que já tem 32 anos de praça em Brumado “nunca existiu apoio aos taxistas e se caso, como se cogita, os taxímetros sejam colocados, vamos amargar ainda mais prejuízos, pois as corridas hoje já são poucas e, com isso, vai acabar com o pouco que tem”. Ela ainda destacou que “ainda existe a concorrência desleal dos mototaxistas que ainda não tiveram a sua regularização, bem como o dos clandestinos, que cobram mais barato, mas não oferecem a segurança aos passageiros”. Ele ainda lembrou que “a nossa tradição aqui e de se combinar o preço da corrida antes e, agora, ficará incerto, além de ficar mais caro, então, não vejo de forma favorável a implantação dos taxímetros”.



Comentários

  • Webiston Barbosa Reis

    "Eu não vejo essa mudança de uma forma negativa. Acredito que, com a implantação dos taxímetros, os usuários dos serviços de táxi passem a pagar por preços mais justos. Não faz sentido, por exemplo, um litro de gasolina custar em torno de R$ 4,00 a R$ 5,00 e você pagar algo entre R$ 10,00 e RS 15,00 reais por uma corrida de aproximadamente 3 kms, uma vez que, em média, e dentro do perímetro urbano, um carro percorre de 8 a 10 kms com um litro de gasolina. Dessa forma, com ou sem taxímetro, dá-se para se obterem lucros. Em suma, com a implantação dos aparelhos, poderemos pagar de forma mais justa por tais serviços."

Deixe seu comentário