ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Intermunicipal: Jogo entre Brumado e Luís Eduardo Magalhães vai acontecer em Riachão das Neves

Oficial: PT registra candidatura de Lula à Presidência no TSE

Brumado: Gincana Educativa 'Ser Honesto é Legal'´ foi realizada na escola CMEAS

Ibotirama: Músico brumadense Chiquinho Amorim conquista 2º lugar no Festival de Música Popular

Barra da Estiva: Polícia Civil elucida morte do comerciante "Moquinha"; este é o sétimo homicídio registrado na cidade

Brumado: Estudante de engenharia relata descaso e falta de respeito da Viação Novo Horizonte com passageiros

Vitória da Conquista: Taxista é acusado de sedar passageira, levar para motel e estuprá-la

Nota de Esclarecimento da Justiça de Brumado em relação à matéria de prisão preventiva de brumadense

Homem é vítima de tentativa de latrocínio no distrito de Samambaia, em Brumado

Brumado: Polícia já tem indícios da autoria das mortes em série de cães

Acidentes de moto correspondem a quase 80% do DPVAT pago só no primeiro semestre deste ano

Vila Nova comemora título e bons resultados em festa do Dia dos Pais

Brumado: População questiona, como vamos assistir o jogo entre a seleção Brumadense e São Desidério? TVE está fora do ar!

Neurologia na Clínica Master com Drª Maiara Teixeira

As doenças que os seus olhos revelam; saiba as patologias que sua íris denuncia

Seis em cada dez crianças vivem em situação precária no Brasil, diz Unicef

Com sintomas parecidos mulher e duas filhas morrem em menos de 15 dias após mal-estar; polícia investiga caso

Bebê é abandonado ainda com cordão umbilical ao lado de campo de futebol na Bahia

Ibotirama: Homem é preso por se passar por PM para obter vantagens

TRE-BA determina que Coronel deixe de veicular propaganda antecipada pelo WhatsApp


STJ nega recurso para que Lula seja solto e possa disputar eleição

(Foto: Reprodução)

O ministro Félix Fischer, relator dos casos da Operação Lava Jato no Superior Tribunal de Justiça (STJ), negou o pedido do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) para conceder efeito suspensivo ao recurso que o petista apresentou ao STJ. Se tivesse aceito as argumentações de Lula, Fischer suspenderia todos os efeitos da pena, o que incluiria libertar o ex-presidente da prisão e torná-lo elegível para as eleições de 2018. Na avaliação do ministro, como o Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) ainda não decidiu se vai ou não remeter o recurso especial do ex-presidente ao STJ, seria “uma verdadeira antecipação do julgamento” autorizar o efeito suspensivo nessa altura do processo. Na petição ao ministro, a defesa alegou que a pressa se justificava pelo fato de Lula ser pré-candidato à Presidência da República pelo PT e precisar da suspensão da pena para participar do processo eleitoral. De acordo com seus advogados, o ex-presidente “corre sérios riscos” de ter “seus direitos políticos cerceados” se ficar de fora da eleição. O chamado “efeito suspensivo” é um mecanismo possível em recursos apresentados ao STJ e ao Supremo Tribunal Federal (STF) por meio dos quais os ministros podem identificar, de antemão, a existência de contestações grandes na condenação, que justifiquem o não cumprimento de nenhuma pena até uma decisão definitiva. Em um mal sinal para novos pleitos do ex-presidente nesse sentido, o ministro Félix Fischer já adiantou considerar que esse tipo de decisão é a exceção, não a regra. A defesa do ex-presidente Lula ainda pode tentar outros caminhos para a aprovação desse pedido. Primeiro recorrendo desta decisão de Fischer à Quinta Turma do tribunal e, posteriormente, reiniciar todo o processo se – e quando – o TRF4 admitir que seu caso é passível de ser analisado pelos ministros do STJ.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário