ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Prefeitura de Brumado realizou mutirão de combate a criadouros do Aedes aegypti

Brumado: Homem é preso em flagrante por ameaçar de morte ex-companheira

Brumado: Projeto de Lei do Executivo que aumenta o IPTU deve criar nova polêmica no fechamento das cortinas políticas em 2018

Homem é preso por cultivar pés de maconha em casa em Livramento de Nossa Senhora

BA-262: Jovem morre em grave acidente próximo a Coaraci

Delegados desistem de entregar cargos e aguardam negociações com o governador Rui

Prêmio da Mega-Sena acumula e deve chegar a R$ 48 milhões

Caetité: Homem fica ferido após colidir em traseira de caminhão na BR-030

Casos de câncer infantojuvenil aumentam 30% na Bahia em dez anos

Café da Manhã: Uma variedade de delícias com uma qualidade inigualável você só encontra na Padaria Divina

Eduardo Bolsonaro quer implantar pena de morte para crimes hediondos e traficantes

Barra do Choça: Grave acidente na tarde deste sábado (15)

Homem invade quartel da PM, esfaqueia sargento e é baleado por soldado

Possível ponto de venda de entorpecentes na Vila Presidente Vargas é objeto de ação policial

Brumado: Abastecimento de água será interrompido na terça-feira (18)

Milagres: Carga de cigarros avaliada em quase R$ 3 milhões é apreendida

Conquistense está entre as vítimas que foram abusadas por 'João de Deus'; MP-GO pediu prisão do médium

‘Governo parece que ficou com raiva da Educação’, diz sindicalista após projeto de corte

Brumado: Eleita a nova mesa diretora do Poder Legislativo para o biênio 2019/2020

Livramento: Tio é esfaqueado pelo sobrinho após forte discussão


Garoto de 11 anos já desenvolveu sete 'APPS' para Iphone

Foto: Reprodução

Cansado de ver televisão, um menino australiano de apenas 11 anos, Yuma Soerianto, já desenvolveu sete aplicativos disponibilizados na App Store, a loja virtual da Apple. "Comecei a programar com seis anos. Voltei da escola e geralmente via televisão, mas eram repetições e eu odeio repetições. São chatas. Quis fazer algo mais do que ver televisão", explica Soerianto em conversa com o Cnet. Começando a partir de pequenos tutoriais e da construção do seu próprio site, Soerianto passou a desenvolver jogos para navegadores de internet e, pouco depois, criou os apps disponíveis na App Store. Agora, o garoto já está desenvolvendo apps em Realidade Aumentada. No mais recente deles, chamado ‘Let’s Stack AR!’, os jogadores devem ajudar um pato a empilhar blocos 3D. O garoto também mantém o seu próprio canal de YouTube, o Anyone Can Code, no qual procura encorajar e ensinar outras pessoas a começarem a programar.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário