ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Gabriel Jesus erra pênalti, e Brasil perde para Argentina com gol de Messi

Confira os especialistas da semana na Clínica Mais Vida em Brumado

PM apreende munições e pólvora para arma de fogo em Tanhaçu

Fabrício Abrantes é o novo presidente do Democratas em Brumado

Previsão do tempo para feriadão é de céu claro com possibilidades de chuvas isoladas em Brumado

Policiais baianos recebem R$ 40 milhões em prêmio nesta quinta (14)

Conquista: Policia Civil diz que motorista de aplicativo e estudante foi morto a mando de traficante preso

Brumado: Com estimativa de renegociar dívidas, Prefeitura espera receber R$ 20 milhões

Conseg de Brumado visita instalações do Centro de Operações e Inteligência em Salvador

Pretos e pardos são maioria nas universidades públicas no Brasil, diz IBGE

Operação Proclamação da República reforça fiscalização nas rodovias federais da Bahia

Clínica Mais Vida-Endocrinologista destaca a importância de ampliação da atenção e conscientização sobre o Diabetes

Brumado: Cabeleireiro tem casa pichada no bairro do Hospital e teme ser possíveis ameaças

Brumado: Receita Federal e Ministério do Trabalho serão realocados para espaço da antiga Policlínica

Brumado: Após ter casa interditada, músico denuncia péssimas condições de casa alugada pela Prefeitura

Caetité: Operador morre após cair de pá carregadeira e ser atropelado pelo veículo

Celulares pré-pagos com cadastros desatualizados serão bloqueados

Homem é preso suspeito de comercializar anabolizantes e drogas sintéticas em Conquista

Fã que planejava 'se vingar' da cantora Simaria é preso


Família e amigos consternados com morte trágica da universitária baiana Keyla Ayla

Ela pulou do barco, para nadar até a margem, e morreu ao ser arrastada por uma corrente (Fotos: Reprodução)

Consternados, familiares e amigos utilizaram as redes sociais para lamentar e homenagear a jovem universitária baiana Keyla Ayla de Jesus Santos, de 19 anos, natural do município de Fátima. Ela foi vítima nesta manhã de domingo (29) de afogamento. Seu corpo foi encontrado no rio Vaza Barris, próximo a Croa do Goré, em Aracaju (SE). De acordo com familiares, na tarde de sábado (28), Keyla estava com um grupo de amigos que foram passear pela região Eles estavam em uma lancha que durante o passeio tinha faltado o combustível. Por causa disso eles caram à deriva. A família também informou que duas pessoas que estavam na embarcação nadaram até a praia para pedir ajuda. Horas depois que a maré cou cheia, a lancha foi levada em direção ao mar, neste momento o restante do grupo pulou e Keyla, que foi arrastada por uma corrente, morreu afogada. O corpo da vítima cou desaparecido por 12 horas. Keyla era do município de Fátima, na Bahia e morava em Aracaju onde cursava o curso de Fisioterapia. O Instituto Médico Legal (IML) foi acionado para recolher o corpo. 



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário