ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Casal cai em golpe de venda de carro pela internet, perde veículo e celular em Brumado; polícia investiga o crime

Brumado: Moradores denunciam abandono e risco de desabamento de ponte que liga os bairros São Jorge e Dr. Juracy

Brumado: Após reintegração, Prefeitura demoliu imóvel no bairro São José

Brumado: Caminhão estoura fios e danifica poste no bairro Santa Tereza

Brumado: Polícia prende homem que mantinha ex-namorada em cárcere privado no residencial Brisa II

Famílias celebram Dia Internacional da Síndrome de Down em Brumado

Guanambi: PM prende suspeita de tráfico de drogas é presa com 295 pedras de crack

Cabeceira de ponte começa a desabar na BA-148 entre Brumado à Livramento de Nossa Senhora

Brumado: Idoso recém operado do coração morre dentro de ônibus na Av. Centenário

Brumado: Polícia recupera bens furtados em galpão; três suspeitos foram ouvidos e liberados

Clínica Master: Ginecologia e Obstetrícia

Chuva causa alagamentos em diversos pontos de Brumado; veja fotos

Ex-presidente Michel Temer é preso pela Lava Jato no Rio de Janeiro

Apresentadora Xuxa solta o verbo e diz, 'Estou velha, pele enrugada e não faço plástica', sobre cobranças pelo corpo

Brumadinho: Total de mortes confirmadas sobe para 209

Caetité: Cidade receberá em maio a 'Corrida do Trabalhador'

Brumado: Dois indivíduos tombaram em troca de tiros com o PETO no bairro Irmã Dulce

Bloqueio de celulares irregulares começa no dia 24 de março nas regiões Norte, Nordeste e Sudeste

Enfim ela chegou: Começa a chover forte em Brumado e na Região Sudoeste

Clínica Master: Atendimento em Psiquiatria


Brumado: Total desrespeito dos bancos vira rotina e comprovaria a ‘síndrome de cordeiro’ da população

As agências da Caixa e Banco do Brasil são as campeãs das reclamações (Fotos: 97NEWS)

Frases que são muito comuns em relação à “capital do minério”, do tipo “brumadense é um povo maravilhoso” ou “tudo gente boa” não deixa de ser fundamentada no solo da realidade, mas, paradoxalmente, se estigmatizou uma passividade muito grande, ou seja, a “tese de cordeiro” parece ser real. Conhecidos mesmo pela alta simpatia e por ser um povo muito acolhedor e hospitaleiro o brumadense acabou sendo vítima deste comportamento, já que muitas empresas, instituições e órgãos públicos acabam abusando deste sentimento de “boa gente” e praticam os abusos que não aconteceriam em muitos locais do país. Um dos exemplos mais notáveis nesse sentido são as instituições bancárias que promovem um verdadeiro “descalabro” com os correntistas e a população em geral. Neste final de semana e, principalmente nesta segunda-feira (09), o desrespeito chegou ao limiar do intolerável, já que em algumas agências, como o Bradesco, que tem um grande número de caixas eletrônicos, somente um deles estava apto para fazer saques, o que deixou muita gente “à beira de um ataque de nervos”. Clientes da Caixa e Banco do Brasil, - que são os campeões das reclamações -, também enviaram mensagens à nossa redação relatando o sofrimento para se realizar saques. Vale ainda ressaltar Brumado possui a famosa "Lei dos 15 minutos", Lei Municipal nº 1683/2013 que limita em 15 minutos o tempo máximo de espera dos clientes na fila para atendimento nos bancos e em 30 minutos nos dias de pico. Então, segundo advogados consultados, a melhor forma de reagir é “tirar a pele de cordeiro” e buscar a Justiça para que a referida Lei venha a ser cumprida e se possa colocar um freio nesse total desrespeito ao cidadão.



Comentários

  • Everaldo

    "O povo precisa depender menos de bancos, evitar relacionamentos com empresas que o desprezam."

  • Sara

    "Oriente a população como proceder para registrar a queixa "

Deixe seu comentário