ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Associação do Campo Seco se destaca na produção de vassouras e artesanatos em Brumado

Nova vítima do golpe com 'falso depósito' perde carro avaliado em R$ 7 mil

Barreiras: Bombeiros são atacados a tiros enquanto combatia incêndio

Hemoba esclarece falta de 'bolsas' de coleta no hemocentro de Brumado

Clínica Master: Cirurgião Geral Dr. Pedro Thiébaut

Especialistas alertam para risco de pandemias globais em assembleia da ONU

RotSat: Rastreamento veicular com qualidade, eficiência e segurança

Brumado: Câmara vota hoje (23) projeto de lei que insere, altera e revoga dispositivos da Zona Azul

Brasileiros de alta renda são menos tributados na média dos países do G7, diz pesquisa

Inovare Odontologia & Saúde: O que é Gengivite e Periodontite

Brumado: Moradores do bairro São Jorge denunciam queimadas provocadas pela população na margem do Rio do Antônio

Caculé: Homem que estava desaparecido à três dias é encontrado morto; choque elétrico pode ter provocado o óbito

BR-030: Caminhão carregado com maracujina tomba próximo ao distrito de Ibitira

Brumado: Homem é baleado em tentativa de assalto na BA-148, próximo à entrada de Pedra Preta

Homem se afoga após pedido de casamento debaixo d'água

Homem é detido transportando mais de cem celulares sem nota fiscal em Jacobina

Moradora de Guajeru relata susto com roda de ônibus escolar que se soltou enquanto transportava alunos da zona rural

Confira os especialistas da semana na Clínica Mais Vida em Brumado

Livramento de Nossa Senhora: Polícia investiga casos de clonagem de números de telefone na cidade

Brumado: Despesas com saúde pública chega aos 34% com vítimas do trânsito


Presidente municipal do PT revela estratégia para eleição e ‘não vê viabilidade’ em Alice Portugal

Foto: Divulgação

Mesmo sem vice definido na chapa de Rui Costa, o Partido dos Trabalhadores (PT) já se organiza para a corrida eleitoral. Em conversa com o Bahia Notícias, o presidente municipal da legenda, Edson Valadares, disse que a estratégia é discutir a cidade em todos os “territórios urbanos”. A meta também já está bem definida para Valadares: “Ganhar em todas as esferas. Presidente, governador e ampliar o espectro na Assembleia Legislativa da Bahia e Câmara Federal”. O “legado histórico” da sigla é outro ponto a ser bastante usado para convencer os eleitores de que é válido deixar os petistas no poder. Considerada, pelo próprio governador como “prato cheio”, a segurança pública deve ser o carro chefe da oposição para atacar a atual gestão. No entanto isso não assusta Valadares, que jogou a responsabilidade do aumento dos crimes para o plano nacional. “Eu acho que os números comprovam que o aumento da violência é multicausal e nacional. Houve um grande aumento do processo de violência no país, não é exclusivo da Bahia”, esquivou-se. Ainda segundo ele, “as políticas estão sendo maturadas para dar resultado”. “Se nós observarmos, a violência cresce desde o ano 2000. Foi subindo, subindo e só caiu em 2012 e 2013”, disse.

Foto: Divulgação

Se no início do processo de escolha do secretário da Casa Civil – Rui Costa – como candidato do partido para 2014 houve algumas rusgas, hoje, segundo o presidente municipal, tudo são flores. “Isso é uma coisa superada. Está todo mundo com Rui. Quem esteve na apresentação do projeto viu Pinheiro e Gabrielli lá. Esse assunto é superado. Todas as correntes estão presentes e na coordenação da campanha”, amenizou. A disputa entre o presidente da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), Marcelo Nilo (PDT), e do deputado federal Mário Negromonte (PP) pelo segundo posto na chapa está, para Edson “empatada”. Sem querer colocar a deputada federal Alice Portugal (PCdoB) para o escanteio, ele deu a dica: “Há uma discussão que o vice vai sair entre os dois [Negromonte e Nilo]. Não vejo muita viabilidade em Alice, mas o pleito dela é justo”, esquivou-se, mais uma vez, sem querer se “meter” na escolha do “timoneiro Wagner”.

Bahia Notícias



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário