ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Haddad sugere que Viagra passa a ser vermelho para homenagear 'T' de Lula pelo Brasil

Cristiane Brasil é autorizada pelo STJ para assumir o Ministério do Trabalho

BR-430: Motoqueiro é atingido por caminhão e tem morte instantânea na região de Caetité

20 de janeiro: Brumadenses irão comemorar o `Dia de São Sebastião´ patrono de Brumado

Jornalista global se demite após 18 anos para investir em bitcoin

Mega-Sena pode pagar prêmio de R$ 15 milhões hoje (20)

Instrumentos que foram roubados de Caetano Veloso são recuperados pela Polícia

Governo da Bahia divulga resultado provisório de concurso para soldado da PM

Barreiras: Pai é suspeito de agredir filha com machado após ela reagir a tentativa de abuso

Olha o Gás: Petrobras reduz preço de gás industrial e comercial em 6,3% a partir de sábado

Brumado: Confira a programação do `Verão Vip 2018´

Conquista: Assaltante que atirou em mulher no roubo de carro morre em confronto com a PM

Detran da Bahia arrecada mais de R$ 220 mil com leilão de veículos apreendidos em Brumado

Dom Basílio: Idoso sofre tentativa de homicídio

Padaria Divina: Delícias com uma qualidade inigualável

Absurdo! Motorista que causou acidente em Copacabana estava com CNH cassada desde 2014

Itapetinga: Jovem amordaçado consegue enganar bandidos, foge e escapa da morte

Brumado: Definido a tabela do Campeonato Brumadense 2018; jogos começam no dia 18 de fevereiro

Brumado: Nova sede da SMTT está quase pronta; atendimento ao público será ampliado

Júri de Lula será transmitido pelo YouTube


‘A decisão é irreversível e só visa o engrandecimento do Futebol de Brumado’, garante vice-prefeito Édio Pereira

Édio Pereira garantiu ao 97NEWS que a decisão é irreversível (Foto: Daniel Simurro | 97NEWS)

A queda de braços que se estabeleceu entre a LBF - Liga Brumadense de Futebol e a Administração Municipal se dimensionou ainda mais após o posicionamento do presidente da LBF, Emanoel Araújo, o qual garantiu que “sem a Liga não há Brumadense e nem participação no Intermunicipal”. Diante disso, o 97NEWS entrou em contato com o vice-prefeito municipal Édio Pereira (PC do B), que está encabeçando esse movimento na busca de transformar e dimensionar o Futebol de Brumado. Muito sereno ele iniciou a sua argumentação dizendo que “primeiramente quero reiterar o respeito que tenho pela Liga, mas, garanto que, se quiserem briga, irão brigar sozinhos, pois a nossa meta é elevar, valorizar e promover a inclusão social por meio do esporte, colocando em prática um planejamento que nada tem a ver com ano eleitoral, pois será executado até o final do mandato”. Sobre as mudanças que estão sendo propostas e que desagradaram a Liga, ele justificou que “o foco agora será ainda mais local, priorizando os nossos atletas, por isso reduzimos de 10 para 5 a quantidade de jogadores de fora, o que facilitará o processo de surgimento de novos talentos de nosso futebol, enfrentando o desafio de fazer com que Brumado tenha maior destaque no cenário esportivo baiano”. 

Édio Pereira tem um histórico muito positivo no Futebol de Brumado, sendo um dos principais responsáveis pela reestruturação do Estádio Gilbertão (Foto: Daniel Simurro | 97NEWS)

Questionado sobre a decisão da realização do Campeonato Brumadense de Futebol sem a participação da LBF e se isso não pode criar um enfrentamento com a Federação Baiana de Futebol, Édio garantiu que “a decisão é irreversível, ou seja, não iremos voltar atrás, pois faz parte de um planejamento que já está programado. Já na questão da Federação, nós já entramos em contato com o presidente Ednaldo Rodrigues para fazer as adequações necessárias, mas já adiantamos que não existirão bloqueios, pois a prefeitura tem seu estádio, tem uma secretaria responsável, então somente alguns ajustes deverão ser feitos”. Ele ainda destacou que “como é ano de Copa do Mundo as datas do Brumadense de Futebol já estão definidas, começa dia 18 de fevereiro e termina 10 de junho, sendo que já temos, por meio de patrocinadores, garantida a premiação para o campeão e vice. Também vale ressaltar que, com a renda dos jogos, serão pagos os gandulas, maqueiros, bilheteiros e porteiros, sendo que o que sobrar será ratiado entre os clubes. Outra coisa importante é que os clubes terão isenção da taxa de inscrição, ou seja, em suma, tudo já está devidamente definido”. 

A antiga parceria entre Édio e Manelão, apesar de abalada, deverá prevalecer para que se chegue a um consenso para esse impasse (Foto: Daniel Simurro | 97NEWS)


Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário