ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Municípios do sudoeste baiano debatem a saúde pública na Bahia em Oficina de Gestão

Endureceu: ‘Essa situação dos cães errantes é uma vergonha para Brumado’, dispara Zé Ribeiro

Dois jovens morrem em acidente de moto na BA-156 entre as cidades de Jacaraci e Mortugaba

Controlar como as crianças usam a tecnologia: prevenção ou invasão de privacidade?

Concurso da Polícia Civil da Bahia acontece neste domingo

Sindicato oferece recompensa de R$ 10 mil por informações sobre a morte do delegado Marco Torres

Brumado: ‘Os vereadores do bairro são oposição, mas o povo tem que ser a situação da vez’, protestam moradores da Benjamim Santos

Lia Teixeira comemora assinatura do convênio da FUNASA para inícios das obras do sistema de abastecimento de Cristalândia e região

Brumado: Superintendência Municipal de Trânsito e Transportes intensifica ações em frente às escolas

Avicii, DJ e produtor sueco, morre aos 28 anos

Vereador Elias Piau faz requerimento verbal ao Executivo solicitando a capina e a limpeza de vários bairros da cidade

Coordenador do Polo da UAB/Brumado participa de 'Encontro do Fórum Nacional de Coordenadores Estaduais' em Gramado (RS)

Brumado: Vacinação contra gripe começa na próxima segunda-feira (23)

Destruída pelas chuvas há cinco meses, motoristas apontam perigo causado por buracos na Av. Lindolfo Brito

Moradores da Rua São Judas Tadeu, no bairro São Jorge pedem com urgência a pavimentação da via

Jacobina: Professora aparece em vídeo gravado por ela mesma ameaçando criança em creche

Brumado: Prefeito, vice e 7 vereadores anunciam apoio à pré-candidatura de Márcio Moreira

Itagibá: Ciganos são detidos com armas, carros, joias e mais de R$ 18 mil

Com acúmulo de reclamações Coelba lança novo aumento no domingo (22)

Vitória derrota Internacional nos pênaltis e se classifica para as oitavas da Copa do Brasil


Extinção: Flamengo acaba com plano de sócio-torcedor que beneficiava organizadas

Foto: Reprodução l Redes Sociais

Em nota oficial publicada na noite deste domingo (17), o Flamengo confirmou a extinção do plano sócio-torcedor corporativo. A medida é uma reação aos episódios de violência, na última quarta-feira (13), no Maracanã, além da recente detenção de funcionários e líderes de torcidas organizadas. Segundo reportagem exibida pela TV Globo neste domingo, 8 mil torcedores sem ingresso invadiram o estádio. O plano corporativo permitia facilidades para as torcidas organizadas do Flamengo na aquisição de ingressos. O assunto foi amplamente abordado em reportagem no mês de junho. Integrantes das facções Raça Rubro-Negra, Fla Manguaça e Urubuzada tinham 800 ingressos, ao menos, assegurados por menor preço - a mensalidade era de R$ 10 - e prioridade na fila por espaços.

Leia abaixo a nota divulgada pelo Flamengo:

"O Clube de Regatas do Flamengo, mais uma vez, após os incidentes da última quarta-feira (13.12), vem a público prestar esclarecimentos e comunicar ao seu torcedor que:
- Se viu consternado com todas as ocorrências e lamenta profundamente o constrangimento e os atos de violência que todos os torcedores e profissionais presentes no Maracanã possam ter sofrido;
- O Flamengo, como clube mais popular do Brasil, segue trabalhando para que esses incidentes não se repitam. Muito embora parte dos transtornos tenha sido causada por torcedores sem ingressos, o Clube optou por encerrar o plano de sócio-torcedor corporativo, por entender que as organizações filiadas infringiram o Termo de Ajustamento de Conduta do Ministério Público e os Termos de Serviço do contrato com o Clube. Vale ressaltar que os ingressos referentes ao plano jamais foram doados e sempre foram vendidos com os preços divulgados em nossos canais oficiais. Em relação às supostas atividades criminosas de algumas dessas organizações, o Flamengo está à inteira disposição do poder público para auxiliar no esclarecimento das mesmas;
- Por fim, o Flamengo reconhece que desde o recrudescimento da violência nos estádios, as autoridade policiais do Estado do Rio de Janeiro têm atuado da melhor maneira possível, apesar de terem que conviver com situações adversas. O Flamengo, como sempre, está à disposição para trabalhar junto com as autoridades de segurança estaduais em busca de uma forma de melhor lidar com essa situação."



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário