ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Bahia tem a gasolina mais cara do Nordeste e a sexta mais cara do país

Livramento: Polícia recupera R$ 177 mil roubados de carro-forte na BR-116; um morto e outro preso na operação

Baldes com mais de meia tonelada de drogas estavam enterrados na zona rural de Livramento de Nossa Senhora

Moradores reclamam de falta de água há 9 dias em bairros de Aracatu

Sudoeste: Bebê sobrevive após ser picada 5 vezes por escorpião em Vitória da Conquista

Sudoeste: Integrantes da quadrilha que atacou carro forte na BR-116 morrem em confronto com a polícia na cidade de Livramento

Brumado: Semana Nacional do Trânsito chama atenção para acidentes no tráfego, diz PRE

Brumado: Morador tem casa arrombada na 'curva do cinco'

Brasil reduz mortes no trânsito, mas está longe da meta para 2020

Brumado: Prefeitura retoma obra parada há meses e inicia pavimentação de acesso a rua Padre Cícero

Brumado: Polícia Civil garante que as investigações sobre os homicídios ocorridos nesta segunda-feira (17) estão avançando

Sul da Bahia: PRF apreende mais de 200 animais silvestres escondidos em veículo

Brumado: Núcleo Regional de Saúde deverá ser inaugurado até o final do ano

Parceria entre TCE e CREA fortalece a fiscalização de obras e serviços públicos

Bahia completa dois meses sem explosões a banco e redução sobe de 26% para 31%

Ameaça de morte e recuperação de motocicleta com chassi adulterado na Comunidade do Tamboril

Livramento: Forte cerco policial é montado na busca de capturar integrantes do bando que explodiu carro forte na BR -116

Brumado e os paradoxos da violência

Brumado: Drogas apreendidas pela PRE chegam a quase meio milhão de reais

Nefrologia é no Centro Médico São Gabriel com Dra. Rita de Cássia


Brumado: Ex-agente de endemias faz grave alerta sobre os riscos do Calazar e da Dengue; secretário esclarece

O ex-agente Marcelo Nascimento chamou a atenção para a situação do setor de endemias (Foto: Luciano Santos | 97NEWS)

Em entrevista ao âncora Carlos Silva que comanda o Jornal da Alternativa, o ex-agente de endemias Renato Nascimento, que trabalhou por 16 anos na Prefeitura de Brumado, fez um grave alerta, tendo como enfoque os riscos do aparecimento de casos de Dengue e, principalmente, da Leishmaniose, conhecida popularmente como Calazar. Segundo ele o município corre um sério risco nesse sentido, ainda mais que estaria ainda sem um coordenador do setor de endemias, o que estaria prejudicando a efetividade dos serviços. "Hoje vemos o setor da Dengue funcionando mal, antes eram 4 setores, agora é só um, por isso é necessário que medidas urgentes sejam tomadas, pois os riscos são grandes, ainda mais que a população ficou na zona de conforto, já que não apareceram casos recentes", destacou Nascimento. Ele subiu o tom ao falar do Calazar citando que "Brumado tem uma enorme quantidade de cães errantes, muitos dos quais são largados aqui por outros municípios da região, então, como este jogo de empurra entre a justiça e a prefeitura vem atrapalhando o trabalho de investigação e até de eliminação dos animais infectados, o perigo é grande, pois além do Calazar, os cães podem transmitir o glaucoma e até a leptospirose, por isso têm que se achar uma solução rápida para esse impasse". Diante das colocações preocupantes feitas pelo ex-agente, o 97NEWS entrou em contato com o secretário municipal de Saúde, Claudio Feres que de pronto citou que "já estamos contratando um coordenador de endemias, mas, temos um coordenador na unidade e os agentes são bem competentes e sabem desempenhar as suas funções muito bem" e emendou enfatizando que "mas temos que lembrar que a luta contra a Dengue e a Tríplice Endemia é de todos, sendo que é necessário ficar em alerta 24h por dia, ainda mais que estamos em período chuvoso. Cada um tem que fazer a sua parte e exterminar os focos do aedes nas residências, com uma constante verificação e eliminação de possíveis criadouros".



Comentários

  • Carol Pecora

    "concordo plenamente com ele, no bairro onde moro (centenario) esta tendo muitos casos de animais sadios com calazar. O bairro esta infestado de animais soltos e tambem terrenos a merce dos mosquitos. Tentamos marcar com um agente ja a umas 3 vezes e nunca tem tempo de colher material. Ou entao esssa seja a desculpa por nao haver material para trablho"

Deixe seu comentário