ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Milagre: Menino sobrevive a espeto atravessado no coração em Pernambuco

Waldenor participa de atos em defesa de Lula direto de Porto Alegre

Brumado: Vans particulares que realizam transporte na cidade estão na mira do SMTT

Brumado: Implantação de caixa eletrônico no Mercado Municipal deverá ser acompanhado de reforço na segurança

Em 2018 a promoção continua: RotSat rastreamento com Inteligência

Surto de vômito e diarreia preocupa moradores de Livramento de Nossa Senhora

Brumado: Assaltante morre em confronto com a Polícia

4.370 jovens entram no mercado de trabalho através do Programa Primeiro Emprego em um ano

Brumado: Iniciada a vistoria dos veículos que atuam no Transporte Escolar do município

Caculé: oposição e deputados buscam ampliação da oferta de água para a cidade

Sertanejo de Raiz: Dupla Nadim e Beira-Rio participa de programa na 97FM

Globocop cai na orla da Zona Sul do Recife e deixa dois mortos

Conquista: Em protesto a favor de Lula, integrantes do MST fecham a BR-116; idoso falece durante a manifestação

Sorteio Eletrônico para o ano letivo de 2018 na Rede Municipal de Ensino acontece em clima de tranquilidade

Sorteio eletrônico das vagas para o ano letivo de 2018 terá somente a participação do MP, educadores, conselhos e imprensa; secretária explica os motivos

Inscrições para o Sisu começam nesta terça-feira (23)

Engenheiro civil de Mucugê sofre acidente de carro entre os municípios de Brumado e Sussuarana

Vitória negocia retorno do zagueiro Victor Ramos

Começou a matrícula de estudantes do Ensino Médio que desejam ingressar na rede estadual

Adolescência agora vai até os 24 anos de idade, e não só até os 19, defendem cientistas


Dinheiro vivo era escondido no closet da mãe de Geddel, diz ex-assessor

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O closet da mãe do ex-ministro Geddel Vieira Lima era utilizado como esconderijo para malas e caixas de dinheiro. Pelo menos foi o que afirmou o ex-assessor de Lúcio Vieira Lima, Job Ribeiro Brandão, em depoimento à Polícia Federal (PF) e à Procuradoria Geral da República (PGR). De acordo com Job, a família Vieira Lima “possuía muito dinheiro guardado no apartamento de Marluce Vieira Lima”, em Salvador. As notas foram guardadas lá até o início de 2016, mas com a morte do pai de Geddel e Lúcio, o dinheiro foi retirado do imóvel. “O ex-assessor disse que não tinha conhecimento do local até a busca e apreensão feita em setembro deste ano na Operação Tesouro Perdido”, em que a PF encontrou R$ 51 milhões em um apartamento no bairro da Graça, na capital da Bahia. Segundo a coluna do Estadão, o ex-assessor ainda afirmou que ele era o responsável por contar as notas quando chegavam ao apartamento da mãe de Geddel. Durante outro depoimento, Job já havia confessado que um escritório da casa da mãe do ex-ministro era utilizada para repasse de dinheiro vivo. Por lá, saiam cerca de R$ 50 mil e R$ 100 mil com frequência.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário