ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Haddad sugere que Viagra passa a ser vermelho para homenagear 'T' de Lula pelo Brasil

Cristiane Brasil é autorizada pelo STJ para assumir o Ministério do Trabalho

BR-430: Motoqueiro é atingido por caminhão e tem morte instantânea na região de Caetité

20 de janeiro: Brumadenses irão comemorar o `Dia de São Sebastião´ patrono de Brumado

Jornalista global se demite após 18 anos para investir em bitcoin

Mega-Sena pode pagar prêmio de R$ 15 milhões hoje (20)

Instrumentos que foram roubados de Caetano Veloso são recuperados pela Polícia

Governo da Bahia divulga resultado provisório de concurso para soldado da PM

Barreiras: Pai é suspeito de agredir filha com machado após ela reagir a tentativa de abuso

Olha o Gás: Petrobras reduz preço de gás industrial e comercial em 6,3% a partir de sábado

Brumado: Confira a programação do `Verão Vip 2018´

Conquista: Assaltante que atirou em mulher no roubo de carro morre em confronto com a PM

Detran da Bahia arrecada mais de R$ 220 mil com leilão de veículos apreendidos em Brumado

Dom Basílio: Idoso sofre tentativa de homicídio

Padaria Divina: Delícias com uma qualidade inigualável

Absurdo! Motorista que causou acidente em Copacabana estava com CNH cassada desde 2014

Itapetinga: Jovem amordaçado consegue enganar bandidos, foge e escapa da morte

Brumado: Definido a tabela do Campeonato Brumadense 2018; jogos começam no dia 18 de fevereiro

Brumado: Nova sede da SMTT está quase pronta; atendimento ao público será ampliado

Júri de Lula será transmitido pelo YouTube


‘Não sou oposição ao prefeito’, diz Rui sobre pedido de prisão de Neto

Foto: Raul Golinelli GOVBA.

Apesar da possibilidade de enfrentar ACM Neto (DEM), na sua tentativa de reeleição em 2018, o governador Rui Costa (PT) negou ter articulado as ações judiciais de deputados do seu partido, que apontam campanha antecipada do democrata, e da bancada de oposição na Câmara de Vereadores, que pediu a prisão do prefeito de Salvador por suposta obstrução de Justiça. Perguntado sobre os recentes casos pelo bahia.ba, nesta terça-feira (15), após o lançamento do projeto Concha Negra, no Salão de Atos da Governadoria, o petista negou orientar ou dar combustível à ala contrária ao gestor soteropolitano. Ele evitou opinar se o seu grupo está mais atento à administração municipal. “Eu não sei dizer porque eu sou governo, não sou oposição ao prefeito. Eu ajudo todos os prefeitos da Bahia. Eu tenho ajudado muito em Salvador e vou continuar ajudando. Todos os prefeitos participam comigo de atos, de lançamentos, de obras, mesmo os prefeitos que são de partidos de oposição. Eu quero consolidar na Bahia, se Deus me ajudar, um sentimento de que o governador não persegue, não pune nenhum prefeito a depender da sua filiação partidária. Então, eu não me considero de oposição a nenhum prefeito. Me relaciono com todos na mesma reciprocidade que eu sou tratado. Agora, eu não quero comentar as atitudes dos partidos políticos ou dos parlamentares. São naturais dos seus mandatos. Cada vereador, cada deputado, cada partido, tem atitudes de que acha mais conveniente, mais adequada em relação aonde atua. Isso acontece em vários municípios. Faz parte da disputa política ou, às vezes, da busca pela legalidade”, argumentou Rui. Sobre a polêmica mais recente entre os dois adversários políticos, a integração entre metrô e ônibus, o governador colocou duas exigências para atender ao principal pleito dos empresários dos coletivos: a redução do Imposto Sobre Circulação de Mercadoria (ICMS) sobre o preço dos combustíveis. “Primeiro que eles façam a integração por completo, segundo que eles coloquem ar-condicionado em todos os ônibus. Eu só reduzirei o ICMS se houver o atendimento desses dois preceitos. Ou seja, que tenha qualidade do transporte público para o povão”, afirmou. O chefe do Executivo baiano confirmou que estará na recepção ao ex-presidente Lula, líder maior do PT no Brasil, que chegará à capital baiana no início da noite desta quinta (17), e seguirá com ele de metrô para um ato político na Fonte Nova. Ele negou, no entanto, que participará da homenagem a ser recebida pelo petista no dia seguinte, na UFRB, em Cruz das Almas. “Na sexta eu vou acompanhar a ministra do Supremo Tribunal Federal, Carmen Lúcia, que vai estar aqui”, avisou. Rui garantiu presença no outro evento com Lula, no sábado (19), em Feira de Santana.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário