ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Zé Carlos de Jonas acompanha visita do governador em Dom Basílio e destaca sua satisfação com anúncio de inauguração da UTI e outras benefícios para Brumado

Mudanças aprovadas no Congresso vão impactar eleitores, candidatos e partidos

Membro da GCM de Brumado participa do XXVII Congresso Nacional de Guardas Municipais realizado no Paraná

Semana da Conciliação se iniciará no dia 20 de novembro

Vereador Elias Piau volta confiante de mais uma viagem a Salvador; Infraestrutura, Esporte e Abastecimento no topo da pauta

Brumado: Por falta de abastecimento da Embasa, Central de Marcação quase teve o atendimento prejudicado

Vitória joga bem, mas acaba cedendo o empate contra o Santos

'Nude' de procurador municipal no Whatsapp constrange prefeito de Ibirapitanga

Brasil: Número de mulheres presas é oito vezes maior em 16 anos

Violência: Casal é morto a tiros na tarde de hoje (16) em Vitória da Conquista

Brumado: Queda de sistema suspende cadastro de biometria do TRE e eleitores sofrem em fila

Brumado: Família procura por Edinha que está desaparecida desde a última quinta-feira (12)

TRE garante recadastramento de eleitor em Planalto

Comunicado: Poder Legislativo de Brumado

Pioneirismo: Prefeitura de Brumado desenvolve segunda etapa do rastreamento dos veículos que realizam o Transporte Escolar

Tragédia na Lapa: Pai e filho morrem afogados durante banho no Rio São Francisco

Presidente da Câmara de Vereadores de Brumado, Léo Vasconcelos entrega convite de sessão solene a presidente da OAB de Brumado

BA-148: Veículo com placa de Brumado se envolve em acidente com uma S10

Campeonato de Futebol de Itaquaraí 2017: Após intensa disputa, equipe da casa se sagra campeã em disputa de pênaltis

Empresa de Vitória da Conquista dá exemplo e ganha o mercado brasileiro


Produção proíbe perguntas sobre 'Aviões' à Solange e irrita imprensa de Salvador

Perguntas pessoais também foram proibidas. Cantora se limitou a responder apenas futilidades e coletiva se tornou um grande fiasco (Foto: Reprodução)

Solange Almeida precisa tomar cuidado para não ganhar a antipatia da imprensa – principalmente agora que está em carreira solo e precisa divulgar os novos trabalhos. Durante o “Arraiá do Galinho 2017”, realizado em Salvador no último fim de semana, a artista impôs várias restrições aos jornalistas para fugir de perguntas espinhosas. O RD1 esteve presente no local. Minutos antes de uma entrevista coletiva com ela, todos os repórteres foram expressamente proibidos de fazer qualquer pergunta sobre vida pessoal ou Aviões do Forró. “Serão só cinco perguntas e nada de Aviões, ok?”, berrou um produtor do evento antes de ela entrar na sala de imprensa. O aviso reforça a tese de que a relação dela com o antigo grupo ainda não está boa, diferentemente do que foi divulgado por ambas as partes. Durante a entrevista, a baiana falou obviedades e exibiu seu look brilhoso. “Tem mais dez anos que fiz a minha redução, hoje me sinto outra mulher”, afirmou, ao mencionar perda de peso. Sol, como gosta de ser chamada, apresentou músicas de trabalho intituladas “Revoltada” e “Faça-me Um Favor” durante o show. Mas – como nem todo mundo conhece o repertório dela – incluiu músicas populares e antigas de forró para incrementar a apresentação. Não é a primeira vez que Sol dá esse tipo de tratamento aos jornalistas na capital baiana. No “Salvador Fest” de 2016, quando ainda integrava o Aviões do Forró, foram muitas as reclamações de repórteres e fotógrafos sobre a cantora. A negativa de Solange em falar sobre o Aviões pode ter um motivo comercial forte. Sua saída da banda parece ter interferido também no bolso da cantora, já que sua carreira solo vem patinando. De acordo com a coluna do jornalista Léo Dias, do jornal “O Dia”, Sol vai receber um cachê de  R$ 200 mil para tocar em um evento junino em Euclides da  Cunha, na Bahia, enquanto a sua antiga banda, Aviões do Forró vai receber R$ 280 mil para se apresentar no mesmo evento. Este é um dos motivos apontados como provocador de atritos velados, nos bastidores, entre a cantora e o grupo liderado por Xand Avião. 



Comentários

  • Webiston Barbosa Reis

    "Em definitivo, o dinheiro perdeu o seu valor. Pagar R$ 200.000,00(duzentos mil reais)para uma \"ARTISTINHA MEIA BOCA\" dessas se apresentar num evento junino...Conta outra. E o que mais me impressiona é que quem banca tudo isso é justamente o POVO que tanto se queixa da quebradeira, da crise, do desemprego etc...Comprando ingressos para tais shows."

Deixe seu comentário