ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Confira os especialistas da semana na Clínica Mais Vida em Brumado

Eleições 2020: Servidor público Diego Azevedo lança pré-candidatura à Câmara de Brumado

Brumado: PM apreende menor que invadiu mercearia, furtou celular e dinheiro no Irmã Dulce

Eleições 2020: 77 partidos estão em fase de criação no Brasil

Brumado: Município está entre as cidades da Bahia com maior índice de infestação do aedes aegypti

Brumado: Morador cria bode solto e irrita vizinhos na comunidade de 'Passa Vinte', próximo a Itaquaraí

Brumado: 'Prefeitura não dispõe de terreno para ampliação do cemitério no distrito de Ubiraçaba', diz secretário de administração

Quatro morrem após batida entre carro e caminhão na BR-116, região de Cândido Sales

Homem sofre tiro acidental ao manusear arma de fogo em Livramento de Nossa Senhora

Brumado: Estacionamento desordenado na Praça Heráclito Antônio Cardoso provoca confusão

Bebê morre ao levar choque elétrico em geladeira

Polícia Civil já tem uma linha de investigação do duplo homicídio registrado em Aracatu

Brumado: Mais um brumadense leva R$ 10 mil na 'Nota Premiada' do Governo


Deputados a favor da reforma trabalhista deveriam sair do PSB, sugere Bebeto

Foto: Bruno Luiz / Bahia Notícias

O deputado federal Bebeto (PSB-BA) sugeriu que os deputados do PSB que votaram a favor da reforma trabalhista deveriam sair do partido. A afirmação foi realizada durante manifestação contra as reformas do Governo Federal que ocorreram nessa sexta (28) no Campo Grande, em Salvador. “A posição de pensamento de questão de um partido é parte daquilo que o partido historicamente defende e que está ancorado no estatuto. Nós somos o partido socialista que tem uma preferência com o princípio do trabalho. Se o deputado não deseja estar em um partido como o PSB e deseja aprovar medidas em caráter liberal, o entendimento é que eles deveriam ter saído de seus partidos”, disse.  O deputado ainda afirmou que os deputados alegaram que entraram com um recurso sobre o posicionamento do partido e que isso daria o aval para votar contra a reforma.



Comentários

    Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixe seu comentário